Atraso menstrual na pausa do anticoncepcional; saiba o que é

Ginecologista explica que a chance de ser "gravidez" é quase nula quando a mulher toma o anticoncepcional corretamente

Segundo a ginecologista "se a pílula for tomada da maneira correta, não é possível engravidar"
Segundo a ginecologista "se a pílula for tomada da maneira correta, não é possível engravidar" - Shutterstock

por Julia Natulini
Publicado em 15/07/2021 às 17:09
Atualizado às 17:40

COMPARTILHEFacebook Saúde em DiaPinterest Saúde em Dia

Em alguma das pausas do seu anticoncepcional a menstruação não desceu e você pensou que estava grávida? As mulheres que tomam o medicamento muitas vezes tem dúvidas sobre os motivos que levam a esse atraso anormal que causa preocupação.

Para entender sobre o assunto, o SD conversou com a Dra. Naira Scartezinni Senna, ginecologista e obstetra.

Os anticoncepcionais podem ser de 21 ou 28 comprimidos. O que contém 21, a mulher deve fazer a pausa de 7 dias e retomar a próxima cartela no 8º. Já os de 28 dias há a emenda de uma cartela na outra, ou seja, nesse caso a menstruação não ocorre.

De acordo com a médica, não é possível engravidar nesse intervalo. “Se a pílula for tomada da maneira correta, não é possível engravidar”. O que pode ocorrer são nos casos em que é feita a troca de método contraceptivo ou até mesmo de medicamento devido a preferência e adaptação do organismo. Nessa fase pode haver um tempo para o corpo se identificar com a nova maneira de prevenção, e com isso é recomendado o uso do preservativo”, explica a ginecologista.

A função do anticoncepcional é fazer o ovário dormir, ou seja, é como se o remédio enviasse uma mensagem “você não precisa ovular, está tudo bem por aqui e principalmente, estou trazendo o hormônio que ela precisa”. Quando o anticoncepcional é interrompido, esse ovário pode acordar de imediato ou demorar alguns meses para acordar.

A especialista ressalta ainda que por isso existem algumas pacientes que quando esquecem de tomar a pílula ou decidem fazer uma pausa espontaneamente engravidam, mas isso tem a ver com a interrupção ou esquecimento e não com a pausa adequada que o medicamento precisa.

"Se o uso do método anticoncepcional for feito da maneira correta, isto é, tomado nos mesmos horários todos os dias sem esquecer a chance de uma gravidez indesejada é praticamente inexistente. 

Quando há o uso do anticoncepcional existe o sangramento mensal (menstruação), que é reduzido e isso acontece devido aos hormônios presentes que fazem de tudo para imitar o ciclo menstrual de uma forma que a ovulação não aconteça e, por consequência, previne a gravidez", finaliza a Dra. Naira Scartezinni Senna, ginecologista e obstetra.

Consultoria: Dra. Naira Scartezinni Senna, ginecologista e obstetra. 

Leia também