Connect with us

O que você está procurando?

Busca

Saúde da Mulher

Praticar exercícios no período menstrual alivia sintomas da cólica

Ginecologista atribui benefícios à liberação de hormônios como serotonina e dopamina. Entenda qual o impacto no organismo

Praticar exercícios no período menstrual alivia sintomas da cólica
Praticar exercícios no período menstrual alivia sintomas da cólica - Foto: Shutterstock

Pelo menos 70% das mulheres em idade reprodutiva sofrem com os desconfortos da cólica menstrual, apontou uma pesquisa da Sociedade Brasileira de Clínica Médica (SBCM). Além das dores, há ainda a sensação de inchaço, maior sensibilidade em algumas áreas do corpo e fadiga. No entanto, manter o hábito de praticar exercícios mesmo nesse período é saudável e contribui para a melhora dos sintomas.

De acordo com o médico ginecologista Dr. Patrick Bellelis, colaborador do setor de endometriose do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo (HC-USP), o exercício físico nesta fase tem efeitos benéficos, e deve ser praticado já no período que antecede o ciclo.

Benefícios dos exercícios físicos para o período menstrual

O ginecologista recomenda exercícios aeróbicos como natação, caminhada, corrida e ciclismo. “Eles podem ajudar a aliviar a dor, superar sintomas como depressão e fadiga, e reduzem a retenção de água e o inchaço, o que é muito comum e desconfortável”, explica o especialista.

Além disso, exercitar-se durante a menstruação mantém a mulher ativa durante todo o dia e combate a vontade de estar deitada. “O esporte melhora a circulação sanguínea em todos os músculos do corpo e os enriquece com oxigênio e nutrientes. Isso melhora a capacidade do músculo de liberar mais energia”, afirma. 

As mudanças hormonais do período menstrual também podem causar problemas no estado de espírito, o que adiciona mais um motivo à lista de razões para praticar exercícios físicos. Isso porque é comprovado que a realização de exercícios de baixa ou média intensidade melhora muito o humor, argumenta o Dr. Patrick Bellelis.

A princípio, pode parecer difícil começar a praticar exercícios nessas condições, mas o médico afirma que basta um pequeno empurrão e o resto se seguirá. “Como a atividade física diminui os hormônios como o cortisol e aumenta outros como a serotonina e a dopamina. Por isso, em pouco tempo é possível notar a sensação de bem-estar e fica mais fácil seguir”, destaca.

Advertisement

Você também vai gostar

Doenças

Médico aponta que a acupuntura pode trazer benefícios para pacientes com artrite reumatoide, doença intestinal inflamatória e esclerose múltipla

Saúde Mental

Influenciadora recebeu diagnóstico para psicose aguda após desistir do reality show. Entenda as causas e os sintomas do transtorno

Notícias

Assim como escovar os dentes todos os dias, médico otorrino recomenda realizar a lavagem nasal diariamente

Doenças

Com aspectos bastante semelhantes, o lipedema e a celulite são frequentemente confundidos, o que atrapalha o tratamento das condições