Dia Mundial do Rock: entenda a relação da música com a memória

Psicóloga fala sobre como uma letra ou ritmo musical são capazes de remeter as lembranças

Segundo a especialista, a memória é um dos aspectos mais influenciados pela música
Segundo a especialista, a memória é um dos aspectos mais influenciados pela música - Shutterstock

por Julia Natulini
Publicado em 13/07/2021 às 15:52
Atualizado às 17:29

COMPARTILHEFacebook Saúde em DiaPinterest Saúde em Dia

Nesta terça-feira (13) é comemorado o ‘Dia Mundial do Rock’, data em homenagem ao estilo musical Rock n’ Roll, que foi marcado pela revolução na música e comportamento social dos jovens dos anos 80. Com o objetivo de celebrar esse dia, nada melhor do que falar também do poder que a música tem sob a mente e o coração.

Quem nunca passou por um dia agitado e ao final dele colocou a playlist que mais gosta de ouvir? Pois bem, uma letra ou ritmo musical é capaz de despertar sensações diferentes na mente. Para alguns ela pode representar a saudade, já para outros uma viagem ao futuro.

De acordo com a Francine Vasconcellos, psicóloga do projeto Zero Barreiras, a  música atravessa vidas, décadas e histórias. “Uma mesma música pode representar cenários totalmente diferentes, então ela pode trazer à tona momentos que passou com um ente querido ou o início de uma relação amorosa, por exemplo”.

"Recordar é viver". A memória é um dos aspectos mais influenciados pela música. “Ela nos traz lembranças e junto com elas sentimentos de maneira diferentes, com base nas experiências vividas”.

“Quando falamos em saúde mental, relacionamos a mente cuidada, olhada e escutada e a música surge nesse cenário como uma forma de expressão pessoal, com uma história vivida e um sentimento que desperta bem-estar automaticamente”.

A especialista ressalta ainda que “melodia, letras que pronunciamos, mistura de pensamentos, e reflexões provocam até mesmo sensações na pele e no batimento cardíaco. “Alegria, aconchego, saudade, tristeza, podem ser sentidos de acordo com a escolha musical e estado daquele momento”

O rock mais do que música, também pode ser considerado um estilo de vida e tendência no modo de pensar e agir, portanto se ele acalma seu coração ou te traz uma lembrança boa e um sentimento de plenitude, representará calma dentro do ritmo da música e proporcionará momentos inesquecíveis. “Assim como nós, a música é pessoal”, finaliza a Francine Vasconcellos, psicóloga.

Sentiu vontade de curtir um rock em casa? Confira no site Famosos e Celebridades 5 singles clássicos para você aproveitar o "Dia Mundial do Rock" em grande estilo.

Consultoria: Francine Vasconcellos (CRP: 06/119934), psicóloga do projeto Zero Barreiras. 

Leia também