Connect with us

O que você está procurando?

Busca

Alimentação

Alimentos ricos em vitamina C: conheça mais de 10 opções

A vitamina C tem ação antioxidante, aumenta a absorção de ferro e ainda tem relação direta com a síntese de colágeno para a pele

Alimentos ricos em vitamina C: conheça mais de 10 opções
Alimentos ricos em vitamina C: conheça mais de 10 opções - Foto: Shutterstock

As mudanças bruscas de temperatura e o clima seco, característicos desta época do ano, exigem bastante da imunidade. Por isso, gripes e resfriados são muito comuns, além de outros problemas respiratórios. Nesse contexto, a ingestão de alimentos ricos em vitamina C pode ser uma carta na manga para evitar uma série de enfermidades.

Acontece que a vitamina C tem um papel fundamental no organismo por conta da sua ação antioxidante e seu poder de aumentar a absorção de ferro – fatores que naturalmente fortalecem o sistema imunológico.

Além disso, ela tem relação direta com a síntese de colágeno para a pele, para a construção tecidual e para energia do organismo, destaca o nutricionista Antônio Lack. Por isso, o nutriente é essencial para ossos, tendões, músculos e tecidos no geral. “A Vitamina C é um pilar da síntese de colágeno e da estrutura da pele, e é responsável por conferir tenacidade ao músculo”, afirma.

Alimentos ricos em vitamina C

Também conhecida como ácido ascórbico, a vitamina C está presente em frutos cítricos como laranja, limão e acerola, e também na maçã, goiaba e em alguns alimentos folhosos. Além disso, também está no pimentão verde, tomate, salsa, couve, rabanete, brócolis, leite e na carne de fígado.

Como consumir adequadamente

No entanto, assim como outras vitaminas, a vitamina C não precisa ser consumida em excesso, alerta Antônio. Isso porque o importante é que esse abastecimento seja constante para garantir a absorção de ferro, pois o organismo é incapaz de sintetizar o nutriente.

“O ideal é consumir pequenas doses ao longo do dia de alimentos in natura, evitando assim doenças como a tireoide e escorbuto, e ajudando no transporte de oxigênio. As pessoas podem variar o consumo de acerola através de doces, sucos e geleias também” exemplifica Antônio.

Por exemplo, você pode experimentar essa crepioca light, com brócolis e tomate! Confira o passo a passo da receita no vídeo abaixo:

Advertisement

Você também vai gostar

Insônia

Alguns mitos e desinformações atrapalham a rotina de sono dos recém-nascidos, o que é um desafio para a família e também para o bebê

Alimentação

Especialista em nutrologia explica as diferenças entre a doença celíaca, a intolerância ao glúten e a alergia ao trigo. Saiba os sintomas

Dor

Ortopedista explica que nem sempre uma dor no joelho exige correção cirúrgica. No entanto, em alguns casos o paciente deve passar por cirurgia

Beleza

Dermatologista explica técnica slow care, focada na beleza natural e na saúde integral do paciente