Connect with us

O que você está procurando?

Beleza

Especialista esclarece 6 mitos e verdades sobre transplante capilar

O transplante capilar é uma alternativa para os homens que querem reverter a calvície. Saiba se o procedimento é doloroso ou se deixa cicatrizes

Especialista esclarece 6 mitos e verdades transplante capilar
Especialista esclarece 6 mitos e verdades transplante capilar - Foto: Shutterstock

A calvície, cedo ou tarde, vai se tornar um problema na vida do homem. O processo da perda de cabelo é progressivo, e pode durar anos. Por isso, muitos recorrem a soluções desesperadas para reverter essa situação, como raspar o cabelo ou usar máscaras com ingredientes naturais. No entanto, os resultados nunca são satisfatórios. Nesse contexto, o transplante capilar surge como uma boa alternativa, mesmo que ele esteja cercado por algumas dúvidas e informações desencontradas. 

Será que tudo o que você já ouviu sobre transplante capilar é verdade? O procedimento deixa cicatriz ou causa dor? O Dr. Thiago Bianco, criador da técnica Ultra Densidade Capilar, esclarece as principais dúvidas. Confira:

6 mitos e verdades sobre o transplante capilar

1. O transplante capilar é doloroso. Mito. Ao contrário do que muitos afirmam, o transplante é um procedimento indolor, pois é feito sob sedação com anestesia local. 

2. É possível atingir um resultado totalmente natural e imperceptível com transplante capilar. Verdade. Por meio das atuais técnicas de transplante folicular, o paciente atinge um resultado imperceptível e indetectável. Uma vez realizada por um cirurgião que tenha habilidade técnica e um senso artístico apurado, o transplante terá um aspecto totalmente natural.

3. É possível transplantar cabelos de outras pessoas. Mito. O transplante de fios só pode ser realizado do indivíduo para o próprio indivíduo.

4. O procedimento deixa cicatriz alongada na região da nuca. Mito. Com o avanço da tecnologia aplicada na área da medicina, hoje em dia a cirurgia feita com uma incisão tradicional está obsoleta. Por outro lado, por meio da avançada técnica FUE (Follicular Unit Extraction, ou Extração de Unidades Foliculares), as unidades são retiradas fio a fio e o paciente não apresenta mais a cicatriz do transplante capilar como antigamente.

5. Os pacientes com cabelos crespos podem utilizar a técnica FUE. Verdade. Pacientes com todos os tipos de cabelos podem efetuar a técnica FUE, inclusive pessoas com fios crespos. Mas, é claro, os resultados dependerão da habilidade do profissional que realizará a cirurgia.

6. O cabelo transplantado irá cair após alguns anos. Mito. O cabelo transplantado leva a genética da área doadora, que é uma área permanente e por isso não sofre a ação do hormônio DHT. Ele é capaz de promover uma série de consequências como atrofia e queda dos fios. Portanto, os fios transplantados serão permanentes. 

Advertisement

Você também vai gostar

Notícias

O ritmo e a frequência da pulsação fornecem informações sobre a saúde cardíaca. Aprenda a checar em casa

Alimentação

Consumir açúcar refinado aumenta os níveis de gordura no corpo e o risco de desenvolver doenças como diabetes. Saiba como substituir o produto

Dor

15% dos brasileiros sofrem com enxaqueca, condição que pode ser tratada de diferentes formas. Veja quais terapias podem ajudar

Medicamentos

Anfetamina prescrita para TDAH é frequentemente usada como um estimulante. Conheça os riscos do Venvanse