Connect with us

O que você está procurando?

Notícias

Madonna: saiba os sintomas da infecção que fez a cantora adiar a turnê

Cantora foi internada na UTI e passou uma noite entubada para tratar uma grave infecção bacteriana. Sua recuperação ainda é delicada

Madonna: saiba os sintomas da infecção que fez a cantora adiar a turnê
Madonna: saiba os sintomas da infecção que fez a cantora adiar a turnê - Foto: Reprodução Instagram (@madonna)

A estrela do pop Madonna foi internada na última quarta-feira (28) devido a uma infecção bacteriana grave. Ela precisou ficar na unidade de terapia intensiva (UTI), onde chegou a ficar entubada, mas recebeu alta no dia seguinte, na quinta-feira (29).

Por conta do seu estado de saúde, a cantora precisou adiar sua próxima turnê mundial, que estava prevista para começar já no próximo dia 15 de julho, no Canadá. Os shows, aliás, celebram os 40 anos de carreira da “rainha do pop”.

Segundo informações do site americano TMZ, Madonna teria ignorado os sintomas da doença por um mês para focar nos ensaios da sua nova turnê. Agora após a alta, ela ainda segue em recuperação, e seu estado de saúde é preocupante. De acordo com uma fonte próxima à artista, a cantora estaria  ‘vomitando incontrolavelmente’.

Infecção bacteriana – quais os sintomas e tratamento?

O médico especialista em neurociência Dr. Vital Araújo explica que as infecções bacterianas podem ser bastante complexas e variam de acordo com o tipo de bactéria envolvida e a localização da infecção no corpo. “Os sintomas geralmente incluem febre, fadiga extrema, dores musculares e articulares, além de outros sinais que podem variar dependendo do órgão afetado”, aponta.

Ele enfatiza a importância de buscar assistência médica adequada ao surgirem sintomas suspeitos. “O diagnóstico preciso é fundamental para determinar o tratamento correto”, afirma o médico. “Isso envolve exames clínicos, análises laboratoriais e, em alguns casos, cultura de amostras para identificar a bactéria causadora da infecção.”

Quanto ao tratamento, Vital destaca que a abordagem varia de acordo com a gravidade da infecção. Geralmente, antibióticos específicos combatem as bactérias causadoras da infecção. “Em alguns casos mais graves, pode ser necessária a internação hospitalar para monitoramento e administração de medicamentos intravenosos”, revela o especialista.

É possível prevenir o quadro

A prevenção também é uma parte crucial da saúde. O profissional ressalta que medidas simples podem ajudar a reduzir o risco de infecções bacterianas. Ele aponta algumas medidas eficazes para prevenir a propagação de bactérias nocivas:

  • Lavar as mãos regularmente com água e sabão;
  • Manter uma boa higiene pessoal;
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes;
  • Manter o calendário de vacinação em dia.

Os fãs de Madonna aguardam ansiosamente pela recuperação da artista, o que pode gerar certo nervosismo. No entanto, o Dr. Vital tranquiliza: “Infecções bacterianas podem ser tratadas com sucesso, especialmente quando diagnosticadas e tratadas precocemente. É importante seguir as orientações médicas e cuidar da saúde para uma pronta recuperação”.

Advertisement

Você também vai gostar

Emagrecer

Quem está se propondo a perder peso muitas vezes recupera o antigo número na balança. Conheça algumas dicas para emagrecer de forma definitiva

Doenças

Médica aponta que 50% das pacientes com lipedema também apresentam varizes. Veja como iniciar o tratamento das condições

Doenças

Também conhecida como hipertensão, a pressão alta atinge 32,5% da população adulta brasileira, o que representa 36 milhões de pessoas. Além disso, mais de...

Notícias

O ritmo e a frequência da pulsação fornecem informações sobre a saúde cardíaca. Aprenda a checar em casa