Connect with us

O que você está procurando?

Beleza

Naldo Benny: entenda como o ácido hialurônico pode causar necrose

Cantor sofreu princípio de necrose no nariz após passar por uma rinomodelação com ácido hialurônico. Médica-cirurgiã explica os riscos

Naldo Benny: entenda como o ácido hialurônico pode causar necrose
Naldo Benny: entenda como o ácido hialurônico pode causar necrose - Foto: Reprodução Instagram (@naldobenny)

O cantor Naldo Benny passou recentemente por uma rinomodelação, procedimento que aplica ácido hialurônico de alta densidade no nariz para redefinir o formato. O resultado é apenas temporário, mas o procedimento costuma ser ainda mais arriscado do que outros preenchimentos faciais por ser realizado na cartilagem. 

Nesta segunda-feira (28), Naldo relatou em suas redes sociais que a rinomodelação resultou em um princípio de necrose no nariz, o que ocasionou manchas roxas na região. A Dra. Carla Góes, médica cirurgiã pós-graduada pela Universidade John F. Kennedy e especialista em dermatologia, explica que um dos maiores riscos de usar o ácido hialurônico são as oclusões vasculares.

“O ácido hialurônico pode simplesmente entrar em um vaso e fazer o processo de necrose. Por isso, é muito importante que o médico que faça esse tratamento tenha muita habilidade, até mesmo habilidade cirúrgica. Principalmente porque o nariz é uma região com vascularização específica”, alerta.

De acordo com a cirurgiã, o principal risco é de oclusão vascular. “Isso é a obstrução de um vaso importante que temos nessa anatomia. Com a obstrução, essa região fica sem vascularização e pode causar necrose e perda do tecido local”, esclarece.

Além disso, a especialista destaca que é preciso saber qual material será utilizado, já que existem vários tipos de ácido hialurônico, e alguns são completamente inadequados para a região do nariz e dos lábios. O excesso do produto também é prejudicial.

O que mais faz a diferença na realização de procedimentos como a rinomodelação é a escolha de um profissional apto e qualificado, aponta a médica. “O profissional tem que saber como proceder em complicações como essa. Logo após a aplicação, a região mostra indícios de que algo está errado. O profissional qualificado vai saber visualizar e, se necessário, até corrigir”, comenta.

Advertisement

Você também vai gostar

Notícias

O ritmo e a frequência da pulsação fornecem informações sobre a saúde cardíaca. Aprenda a checar em casa

Alimentação

Consumir açúcar refinado aumenta os níveis de gordura no corpo e o risco de desenvolver doenças como diabetes. Saiba como substituir o produto

Dor

15% dos brasileiros sofrem com enxaqueca, condição que pode ser tratada de diferentes formas. Veja quais terapias podem ajudar

Medicamentos

Anfetamina prescrita para TDAH é frequentemente usada como um estimulante. Conheça os riscos do Venvanse