Connect with us

O que você está procurando?

Dor

Sentir dor durante o sexo não é normal! Entenda o que pode ser

A dor durante o sexo tem um nome: dispareunia, e a causa do desconforto pode depender de diversos fatores

Sentir dor durante o sexo não é normal! Entenda o que pode ser
Sentir dor durante o sexo não é normal! Entenda o que pode ser - Foto: Shutterstock

Mesmo que os relatos sobre dor durante o sexo seja comuns, especialmente entre as mulheres, o desconforto não é normal. O desconhecimento e a normalização da dor faz com que muitas pessoas não procurem ajuda, principalmente porque muitos tabus ainda rondam os temas relacionados ao sexo. Com isso, a condição pode permanecer por um longo período sem um diagnóstico definitivo.

O que pode causar dor durante o sexo?

A dispareunia – nome técnico para a dor durante a relação sexual – pode ocorrer por diversos motivos. Para identificar as causas, é necessário se atentar à intensidade da dor e também ao momento em que ela acontece. Isto é, se é no começo da penetração, quando atinge maior profundidade, ou após. Essas informações irão ajudar o médico a definir um diagnóstico.

O médico ginecologista e presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Minimamente Invasiva e Robótica (SOBRACIL) no Rio de Janeiro, Dr. Thiers Soares, explica que os sintomas da dispareunia costumam ser bem evidentes. 

No entanto, além de aparecerem na penetração, as dores podem ser sentidas durante o orgasmo, via outros tipos de penetração e após as relações sexuais. “Tais sinais estão relacionados com as prováveis causas da dor. Por isso, é necessário buscar um profissional especializado para analisar o caso e identificar o melhor tratamento”, afirma. 

“Falo isso porque é possível que a dispareunia esteja relacionada com a falta de lubrificação, doença ou infecção. Em contrapartida, é importante lembrar que o problema também pode estar relacionado ao emocional, ao parceiro, além da possibilidade de estar ligado ao estresse e à ansiedade”, acrescenta o especialista.

Causa pode ser emocional

Vale lembrar que toda relação sexual envolve algum tipo de emoção – e isso também influencia no que diz respeito à dor que a mulher sente. “Além de transtornos mentais (como depressão e estresse), a preocupação com o corpo, o medo, a insegurança ou problemas com o parceiro podem diminuir a excitação e causar o desconforto”, justifica o ginecologista. 

Neste sentido, segundo o Dr. Thiers Soares, mulheres que passaram por algum tipo de abuso sexual desenvolvem traumas que também são responsáveis por gerar um bloqueio e causar a dispareunia.

“Por isso, é imprescindível que a mulher busque ajuda médica. Após a realização de exames, e por meio da análise do médico especializado, será possível indicar o que for melhor para o caso da paciente”, reforça o médico. 

Vale salientar que os tratamentos para a dispareunia vão depender da causa que está levando à dor. No entanto, há algumas recomendações que podem ajudar a reduzir o desconforto. É o caso, por exemplo, do uso de lubrificantes durante o ato sexual e a utilização de remédios em casos que envolvem doenças. Ou então até mesmo a cirurgia em situações mais sérias, como no caso da endometriose.

Advertisement

Você também vai gostar

Doenças

Mais de 65 milhões de pessoas possuem catarata em todo o mundo, a maioria idosos, e a única forma de tratar a condição é...

Notícias

Colocado através de cirurgia, o implante coclear é indicado para pacientes com perda auditiva severa à profunda

Notícias

Compressões na coluna vertebral podem pode afetar a funcionalidade dos nervos, levando a sensação de formigamento nas mãos e nos dedos

Doenças

A sarcopenia diminui a massa muscular, a força e, com isso, a qualidade de vida de pessoas idosas - especialmente as sedentárias