Câncer colorretal: 10 sinais que podem indicar um tumor no intestino

Campanha Março Azul-marinho alerta para a importância do diagnóstico precoce do câncer colorretal

Entenda o câncer colorretal
Entenda o câncer colorretal - Shutterstock

por Redação SD
Publicado em 02/03/2022 às 08:00
Atualizado às 08:00

Facebook Saúde em DiaPinterest Saúde em Dia

O câncer colorretal é uma doença que se desenvolve no sistema digestivo do organismo e pode causar danos graves à saúde e até mesmo a morte. De acordo com dados do INCA (Instituto Nacional de Câncer), a estimativa é de que o problema provocou o óbito de mais de 20 mil pessoas no Brasil, apenas em 2019.

E é por isso que foi criada a campanha Março Azul-marinho, um período simbólico para conscientizar a população sobre a importância de prevenir e diagnosticar rapidamente possíveis casos de câncer colorretal. Uma doença que, muitas vezes, é silenciosa e fatal.

Prevenção

Apesar disso, o câncer colorretal é um dos tumores mais comuns entre os brasileiros. Fator que evidencia ainda mais a importância de discutir o avanço da doença para, por exemplo, divulgar as principais maneiras de prevenção.

"Deve-se investir em uma dieta rica em fibras e uma menor ingestão de carnes vermelhas e processadas. Praticar atividades físicas, evitar bebidas alcoólicas, tabagismo e manter um peso saudável. Fora isso, é importante investigar se o paciente possui doenças inflamatórias intestinais crônicas, como a doença de Crohn ou colite ulcerativa, além do histórico familiar de casos de câncer colorretal", explica o oncologista, Dr. Artur Ferreira.

Sintomas do câncer no intestino

No entanto, assim como a maioria dos tumores, o diagnóstico precoce de um possível câncer colorretal é fundamental para que o tratamento seja efetivo e proporcione a cura da doença. Para isso, além de realizar consultas e exames regulares, é fundamental ficar atento à alguns sintomas e sinais característicos. Conforme listou o Dr. Ferreira:

  1. Constipação;
  2. Diarreia;
  3. Estreitamento do calibre das fezes;
  4. Ausência da sensação de alívio após a evacuação;
  5. Como se nem todo conteúdo fecal fosse eliminado;
  6. Sangue nas fezes;
  7. Cólicas;
  8. Dor abdominal;
  9. Perda de peso sem motivo aparente;
  10. Fraqueza e sensação de fadiga

Tratamento

O tratamento do câncer colorretal pode ser local, com cirurgia, radioterapia, embolização e ablação; ou sistêmico – quimioterapia, imunoterapia ou terapias-alvo. "Diferentemente do câncer de mama, por exemplo, onde a doença é identificada geralmente em fase inicial com os exames de rotina, o tumor colorretal pode ser descoberto na fase pré-cancerosa com a colonoscopia. A boa notícia é que quando as lesões são precocemente removidas, o aparecimento do câncer pode ser evitado", finaliza o Dr. Ferreira.

Fonte: Dr. Arthur Ferreira, médico oncologista da Oncoclínicas São Paulo.

Leia também