Connect with us

O que você está procurando?

Beleza

Ainda dá tempo! 4 tratamentos de beleza para fazer antes do ano acabar

A poucas semanas das festas de fim de ano, vale a pena investir em tratamentos de beleza de rápida recuperação

Ainda dá tempo! 4 tratamentos de beleza para fazer antes do ano acabar
Ainda dá tempo! 4 tratamentos de beleza para fazer antes do ano acabar - Foto: Shutterstock

Chegamos ao último mês do ano. E, para se preparar para as festividades que vêm aí, muitas pessoas já começaram a procurar quais tratamentos de beleza ainda valem a pena realizar. 

Durante esta época, um dos principais obstáculos é a exposição solar. E, além disso, a falta de tempo para se recuperar a tempo do natal e ano novo. Pensando nisso, consultamos especialistas para mostrar quais são os tratamentos que é possível fazer antes do ano acabar. Confira:

Hydrafacial para melhora do glow facial

Para quem quer uma pele iluminada, com viço e exuberante, uma das novidades é o skincare de consultório promovido pelo Hydrafacial. O tratamento de beleza busca melhorar a aparência ao mesmo tempo em que promove uma restauração completa da pele para torná-la mais saudável. 

“O Hydrafacial promove melhora instantânea da qualidade da pele, auxiliando na uniformização do tom e da textura e no aumento da firmeza, viço, maciez e brilho da pele. Ele também consegue expelir e remover facilmente as impurezas da pele enquanto fornece soluções hidratantes”, explica a dermatologista Dra. Mônica Aribi, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica. 

Segundo a médica, o procedimento é rápido, completamente indolor, não invasivo e sem downtime (isto é, tempo de recuperação).

Laser e ultrassom para região dos olhos

A região do olhar é sempre uma das com maior destaque nos consultórios de beleza. Para realizar ainda este ano, a Dra. Cláudia Merlo, médica especialista em Cosmetologia pelo Instituto BWS, cita o laser de Erbium-Yag

“Ele estimula colágeno na camada mais superficial da pele e ultrassom microfocado, que promove sustentação muscular e ligamentar através de estímulo de colágeno e fibrina para manutenção do olhar mais aberto”, diz a especialista. 

A aplicação do Fotona (único laser aprovado e seguro para rejuvenescimento das pálpebras inferior e superior) varia de acordo com grau do envelhecimento. “A manutenção é feita uma vez ao ano, e o tratamento da flacidez é individualizado quanto ao número de sessões. Já o ultrassom microfocado se realiza uma vez ao ano”, explica a Dra. Cláudia.

Toxina botulínica para linhas e rugas

Também nessa época, para combinar com o relaxamento das férias, é bom dar uma folga aos músculos da face. E a toxina botulínica é ideal para isso, pois consiste na aplicação injetável para fins corretivos ou preventivos de um neuromodulador, segundo o cirurgião plástico Dr. Paolo Rubez, membro da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (ISAPS). 

“A substância promove um bloqueio neuromuscular, impedindo que as sinapses nervosas cheguem ao músculo e se concentrem no local. A remoção dos movimentos musculares da face resulta em uma redução das linhas de expressão. Assim, impede que uma ruga dinâmica se torne uma ruga estática”, explica o médico. 

“Indico a toxina botulínica independentemente da idade, pois algumas pessoas são menos ou mais expressivas, então ao conversar com meu paciente na consulta observo toda mímica sem ele saber que estou realizando essa avaliação. Assim que essa força muscular aumenta e as rugas dinâmicas são muito frequentes, já indico o tratamento. Fazemos de duas a três vezes ao ano”, afirma a Dra. Cláudia Merlo.

Lipoenxertia para rejuvenescimento

A lipoenxertia é outro tratamento de beleza para esta época do ano. Envolve dois métodos: a lipoaspiração e o tratamento da gordura retirada para aplicação injetável. Mas não se preocupe: a lipoaspiração, nesse caso, não é um procedimento tão invasivo. A técnica também é chamada de transferência de gordura, justamente por envolver a retirada de tecido adiposo de uma parte do corpo e a redistribuição para outra. 

“Pense em uma transferência de gordura como o procedimento ‘Robin Hood’ do mundo cosmético, roubando áreas ricas em gordura de nossos corpos para dar aos pobres. Simplificando, a gordura é removida por lipoaspiração de áreas onde não é desejada e, em seguida, tratada e ‘colhida’ para ser usada para esculpir áreas que podem ter deficiência de volume”, diz o cirurgião plástico Dr. Paolo Rubez. 

“Através de pequenas agulhas, injetamos a gordura no local desejado. Quando necessário, o procedimento utiliza anestesia local. Por isso, é livre de dor ou desconforto”, explica. 

Segundo ele, mesmo sabendo que cerca de 50% do material enxertado pode ser absorvido pelo organismo, a quantidade restante é repleta de células-tronco capazes de melhorar a qualidade e o aspecto da pele. “No geral, os enxertos de gordura facial tendem a ter uma taxa de aceitação mais alta do que as transferências feitas no corpo”, finaliza o cirurgião plástico.

Advertisement

Você também vai gostar

Sem categoria

O glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo. Entenda a importância do diagnóstico precoce

Saúde Bucal

A cárie oculta costuma surgir em locais onde a escova de dentes e o fio dental não alcançam. Veja como identificar o problema

Beleza

A rinoplastia é uma das cirurgias plásticas mais feitas no Brasil, mas ainda é cercada de muitos mitos e tabus

Dor

Ortopedista aponta que a dor pode surgir no quadril sem percebermos, e irradiar para o joelho, causando bastante desconforto