Connect with us

O que você está procurando?

Sem categoria

Bebê surpreende ao nascer com dente em SP; entenda

Fenômeno é conhecido como dente neonatal e ocorre em um a cada 3 mil nascimentos. Odontopediatra explica particularidades e cuidados

Bebê surpreende ao nascer com dente em SP; entenda
Bebê surpreende ao nascer com dente em SP; entenda - Foto: Shutterstock

A pequena Valentina já era um grande motivo de felicidade para Fábio Henrique e Jackeline Martins, principalmente porque é a primeira filha do casal. Mas seu nascimento, no Hospital Maternidade de Assis (SP), se tornou uma surpresa inusitada quando os médicos perceberam que a garotinha nasceu com um dente na parte inferior da boca.

O fenômeno é conhecido como dente natal, e ocorre, aproximadamente, em um bebê a cada 3 mil partos, indicam especialistas. “Denomina-se dente natal aquele que aparece na cavidade bucal no momento do nascimento do bebê”, explica a Dra. Ilana Marques, odontopediatra da IGM Odontopediatria.

“Na verdade todos os dentes de leite já têm a sua formação ainda na barriga da mãe. Eles têm seu início por volta do primeiro trimestre do período da gestação. E o dente natal apenas adiantou o processo de nascimento na boca, que normalmente é por volta dos seis meses. Em raros casos pode ocorrer já ao nascimento”, completa a especialista. 

Além do dente natal, existe também o neonatal, que aparece na cavidade bucal nas primeiras semanas de vida. “O diagnóstico diferencial deve ser feito pelo odontopediatra para decidir pela remoção ou manutenção do dente. Uma radiografia intra-oral odontológica (periapical) mostrará se ele pertence à série normal da dentição decídua (95%) ou se se trata de um dente supranumerário (5%)”, afirma Ilana.

Há algum risco no dente natal?

Segundo a especialista, os pais e responsáveis precisam ficar atentos, já que o dentinho pode apresentar riscos à saúde bucal do bebê. “Se existir mobilidade, risco de aspiração ou deglutição, indico a extração desses dentes”, afirma. 

Além disso, quando o dente apresentar borda cortante, pode provocar ferimentos na base da língua do bebê ou nos mamilos da mãe durante o aleitamento materno. Nesse caso, um polimento destas bordas pode solucionar o problema. 

A profissional reforça que os pais devem consultar um odontopediatra para receber a orientação adequada sobre qual conduta seguir para garantir a segurança e a saúde do bebê. “Prevenção é sempre a melhor solução”, destaca.

Advertisement

Você também vai gostar

Notícias

O ritmo e a frequência da pulsação fornecem informações sobre a saúde cardíaca. Aprenda a checar em casa

Alimentação

Consumir açúcar refinado aumenta os níveis de gordura no corpo e o risco de desenvolver doenças como diabetes. Saiba como substituir o produto

Dor

15% dos brasileiros sofrem com enxaqueca, condição que pode ser tratada de diferentes formas. Veja quais terapias podem ajudar

Medicamentos

Anfetamina prescrita para TDAH é frequentemente usada como um estimulante. Conheça os riscos do Venvanse