Connect with us

O que você está procurando?

Saúde da Mulher

Inflamação crônica: 5 sinais comuns para as mulheres

A inflamação crônica está associada ao surgimento de diversas doenças. Por isso, é importante se atentar aos sintomas e combater o problema

Inflamação no corpo: 5 sinais comuns para as mulheres
Inflamação no corpo: 5 sinais comuns para as mulheres - Foto: Shutterstock

A inflamação crônica está entre as causas mais comuns de problemas no nosso corpo. Isso porque ela está associada ao surgimento de doenças cardiovasculares, hipertensão, ansiedade, depressão, diabetes tipo 2, obesidade e alguns tipos de câncer. No caso das mulheres, o quadro pode ser ainda mais delicado.

Segundo a fisioterapeuta Poliane Cardoso, há cinco principais sinais de que uma mulher pode estar com inflamação:

1. Cansaço e fadiga;

2. Manchas

3. Corpo inchado;

4. Intestino irregular;

5. Excesso de oleosidade na pele, espinhas e olheiras.

Antes de iniciar qualquer protocolo, Poliane afirma que é indispensável desinflamar e detoxificar o organismo, pois isso compromete seus resultados.

“Um dos meus maiores segredos na hora de iniciar esse processo, são os enemas, pois a enematerapia é uma das mais potentes técnicas de destoxificação. O Enema de Café, por exemplo, é altamente eficaz nesse tipo de tratamento, pois seus grãos contêm antioxidantes e compostos benéficos como palmitato de cafestol, além da cafeína, que têm efeitos positivos sobre os níveis de inflamação, em especial dentro do sistema digestivo”, explica.

Dieta pode reduzir inflamação crônica

Através de uma dieta anti-inflamatória, é possível reverter os efeitos da inflamação crônica na saúde da mulher. Não se trata de um regime específico, mas um estilo de alimentação.

Segundo a nutricionista Adriana Stavro, para reverter o quadro de inflamação do organismo é importante manter uma alimentação rica em nutrientes e, além disso, em antioxidantes. “A alimentação anti-inflamatória deve fornecer um equilíbrio saudável de proteína, carboidrato, gordura, vitaminas, minerais e fibras, priorizando alimentos com propriedades anti-inflamatórias”, afirma.

A profissional cita alguns alimentos que ajudam a eliminar a inflamação crônica. É o caso, por exemplo, das uvas roxas, frutas vermelhas, brócolis, ômega-3, cúrcuma, sementes de abóbora, folhas verdes, abacate, chá verde, tomates, grãos integrais, azeite de oliva extravirgem e chia.

Advertisement

Você também vai gostar

Alimentação

Os tipos de aditivos acrescentados em uma receita indicam quais são os alimentos ultraprocessados, que trazem riscos à saúde

Doenças

Cansaço extremo durante o período de férias deve alertar os pais sobre risco de arritmia cardíaca nas crianças, informa especialista

Dor

8 em cada 10 pessoas têm ou terão dor na lombar em algum momento da vida; a prática de atividade física, no entanto, ajuda...

Alimentação

A procura por alimentos calóricos aumenta no frio, o que dificulta a manutenção de uma alimentação saudável, mas algumas dicas podem ajudar