Connect with us

O que você está procurando?

Busca

Notícias

Cardiologista dá 4 dicas para cuidar da saúde do coração; veja

As doenças cardiovasculares são a principal causa de morte no Brasil, o que mostra a importância de preservar a saúde do coração

Cardiologista dá 4 dicas para cuidar da saúde do coração; veja
Cardiologista dá 4 dicas para cuidar da saúde do coração; veja - Foto: Shutterstock

As doenças cardiovasculares representam a principal causa de morte no Brasil, indica o Ministério da Saúde. Segundo a pasta, cerca de 300 mil indivíduos por ano sofrem Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), ocorrendo óbito em 30% desses casos. Além disso, estima-se que até 2040 haverá aumento de até 250% desses eventos no país. Estes dados apontam para a importância de cuidar da saúde do coração de maneira preventiva.

De acordo com o cardiologista Dr. Roberto Yano é importante, em especial para pessoas com mais de 40 anos, ou com fatores de risco para doença cardíaca, realizar check-ups periódicos com um médico cardiologista. 

“Realizar consultas preventivas no mínimo anuais com um médico cardiologista é essencial para preservar a saúde do coração, pois permite detectar precocemente potenciais problemas cardíacos, avaliar fatores de risco e ajustar o estilo de vida conforme necessário”, explica.

4 dicas para cuidar da saúde do seu coração

Além disso, há ainda outras formas de prevenir as doenças cardíacas e preservar a saúde do coração, conforme o cardiologista ensina. Confira:

1 – Alimentação

“Sua alimentação tem uma relação direta com a saúde cardiovascular. Portanto, priorize uma dieta rica em frutas, vegetais, grãos integrais, proteínas magras, gorduras saudáveis e reduza o consumo de alimentos processados, açúcares e gorduras saturadas. Isso com certeza irá ajudar a controlar o seu peso e manter em níveis saudáveis o colesterol, a glicose e a pressão arterial”, afirma o Dr. Roberto Yano.

2 – Atividade física regular

“Mantenha-se ativo com exercícios aeróbicos, como caminhadas, corridas ou natação e faça pelo menos duas vezes por semana exercício de peso, como a musculação. O exercício físico fortalece o coração, melhora a circulação e ajuda a controlar o estresse, a pressão, a glicemia e o colesterol”, justifica o médico. 

3 – Gestão do estresse

“Pratique técnicas de relaxamento, como meditação, ioga ou respiração profunda e durma bem para reduzir o estresse, pois o estresse crônico pode afetar negativamente o coração e a saúde vascular”, destaca Roberto.

4 – Não fume

“O tabagismo é um grande fator de risco para doenças cardíacas. O cigarro prejudica os vasos sanguíneos, aumentando a pressão arterial, acelerando o processo da aterosclerose e o risco de infarto e derrame cerebral”, adverte o cardiologista.

Advertisement

Você também vai gostar

Dor

Ortopedista especialista em coluna aponta oito atitudes que podem ajudar a preservar o principal eixo de sustentação do nosso corpo

Alimentação

A introdução alimentar costuma ser um grande desafio, principalmente quando o bebê apresenta reações alérgicas

Insônia

Alguns mitos e desinformações atrapalham a rotina de sono dos recém-nascidos, o que é um desafio para a família e também para o bebê

Alimentação

Especialista em nutrologia explica as diferenças entre a doença celíaca, a intolerância ao glúten e a alergia ao trigo. Saiba os sintomas