Connect with us

O que você está procurando?

Alimentação

Combate ao Câncer: veja como a alimentação pode afastar – ou atrair – a doença

Ao mesmo tempo que a alimentação pode afastar o risco de câncer, ela também pode favorecer o surgimento da doença

Combate ao Câncer: veja como a alimentação pode afastar - ou atrair - a doença
Combate ao Câncer: veja como a alimentação pode afastar - ou atrair - a doença - Foto: Shutterstock

Hoje é o Dia Mundial de Combate ao Câncer (08/04). A data foi criada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) com o objetivo de disseminar informações sobre o controle da doença. E, do ponto de vista da prevenção, uma alimentação saudável é fundamental.

De acordo com um estudo feito pela entidade, o mundo sofrerá um aumento de 77% dos casos de câncer até 2050. E entre os principais motivos para o surgimento do câncer entre a população está a obesidade e a má alimentação

Para o médico especializado em saúde preventiva Dr. Silas Soares, uma dieta equilibrada e saudável é um dos fatores fundamentais para manter o sistema imunológico forte e aumentar a prevenção contra o câncer. 

“Precisamos entender que o câncer está pautado em um tripé de desnutrição, intoxicação e fator emocional. Muitos dos pacientes diagnosticados com a doença estão desnutridos, por conta de uma má alimentação que provoca a deficiência de vitaminas e de minerais”, aponta o especialista. 

Além disso, sofremos constantemente com a intoxicação que ocorre pelos agrotóxicos, por metais tóxicos presentes em panelas, em embalagens e até mesmo em medicamentos. “Por fim, o emocional é um fator chave, já que estamos em uma era onde as pessoas estão cada vez mais ansiosas, frustradas e com uma alta tensão por diversos motivos,”, explica o médico.

Ciclo vicioso – e bastante perigoso

De acordo com Silas, o processo é simples: a sobrecarga física e mental com a qual vivemos na atualidade gera mais estresse. Uma pessoa estressada, por sua vez, desconta na alimentação consumindo mais ultraprocessados, seja pela falta de tempo ou necessidade de açúcares e carboidratos. 

Segundo o médico, com uma dieta totalmente desequilibrada, esse indivíduo terá uma qualidade de vida inferior e, consequentemente, um sistema imunológico fragilizado. Assim, aumentam-se as chances do surgimento de diversas doenças, entre elas o câncer. 

O médico aponta ainda que a escolha de uma alimentação mais rápida e prática, além dos produtos industrializados, o alto consumo de fast-food é um dos principais motivos para a obesidade, o que pode influenciar no surgimento do câncer. 

“Um hambúrguer, uma batata frita, uma pizza não oferece qualquer tipo de nutrientes para quem consome. O corpo precisa de vitaminas e de minerais para construir uma barreira de defesa em seu organismo. E esses nutrientes só estão presentes em alimentos saudáveis, através de uma dieta equilibrada com proteínas, fibras e carboidratos na medida correta”, destaca.

Alimentos para evitar 

O profissional também pontua que é comum que muitos especialistas sigam o caminho de recomendar alimentos benéficos à saúde. Mas, para Silas, é fundamental explicar quais são os que prejudicam o organismo, já que muitas dessas opções estão presentes na rotina e podem ser até consideradas inofensivas por diversas pessoas. 

“O brasileiro gosta de comer um bolinho de tarde ou um pão quentinho com café, por exemplo. A refeição que é tão comum no dia a dia é recheada de glúten e lactose, dois componentes inflamatórios que contribuem para a diminuição da imunidade do paciente”, indica o médico. 

“Por isso, recomendo diminuir o consumo do leite, do bolo, do pão e de bolachas, podendo substituir por frutas ou omelete. Além disso, também indico trocar o leite tradicional também pelo leite de aveia ou de amêndoa”, complementa. 

Alimentos que ajudam na prevenção do câncer

Já entre os principais alimentos que ajudam na prevenção do câncer estão o alho, a cúrcuma, o chá verde e o gengibre. Essas são opções que fortalecem o sistema imunológico, além de possuírem a ação de inibição na formação de células tumorais no corpo, isso porque possuem compostos antioxidantes.

“Vale lembrar que a prevenção do câncer vai além da dieta balanceada. É preciso que o paciente pratique exercícios físicos, esteja com os hormônios regulados e durma bem, entre outros fatores que também influenciam no sistema imunológico”, destaca o profissional.

Vale reforçar que o estresse, o sedentarismo e a privação do sono, fazem o corpo ficar mais indefeso e frágil, o que influencia na qualidade de vida e também no surgimento do câncer, além de outras patologias, finaliza o Dr. Silas Soares.

Advertisement

Você também vai gostar

Sem categoria

O glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo. Entenda a importância do diagnóstico precoce

Saúde Bucal

A cárie oculta costuma surgir em locais onde a escova de dentes e o fio dental não alcançam. Veja como identificar o problema

Beleza

A rinoplastia é uma das cirurgias plásticas mais feitas no Brasil, mas ainda é cercada de muitos mitos e tabus

Dor

Ortopedista aponta que a dor pode surgir no quadril sem percebermos, e irradiar para o joelho, causando bastante desconforto