Connect with us

O que você está procurando?

Dor

Dor sem motivo? Harmonia entre mente, corpo e espírito pode ajudar

Personal criador do treinamento 3Dimensional explica como o equilíbrio entre corpo, mente e espírito pode ajudar a solucionar dor sem motivo aparente

Dor sem motivo? Harmonia entre corpo, mente e espírito pode ajudar
Dor sem motivo? Harmonia entre corpo, mente e espírito pode ajudar - Foto: Shutterstock

Quando o assunto é dor, normalmente as pessoas buscam uma forma de acabar com ela o mais rápido possível. Os métodos são os mais diferentes, mas nem sempre alcançam uma solução para a origem do problema. Por isso, muitos acreditam que a dor, em alguns casos específicos, não tem tratamento. 

Quando existe uma dor, é preciso levar muitos fatores em consideração. Isso inclui toda a parte mecânica do corpo, o que quer dizer que o foco não deve ser apenas naquela parte onde dói. Os fatores emocionais podem potencializar essas dores e também precisam ser considerados em conta na hora de elaborar um plano de reabilitação, que define quais exercícios e movimentos serão mais adequados para cada caso.

Tratamento da dor com treinamento 3Dimensional

O personal trainer Samorai, especialista em movimentos, no treinamento 3Dimensional e fundador do Instituto de Performance Samorai, explica que a solução de muitos problemas vem com a evolução tridimensional do corpo, mente e espírito. Essa é uma alternativa para quem busca novas formas de reabilitação.

“O meu trabalho não é exatamente interferir nos fatores emocionais, mas levá-los em consideração. Tenho um espaço singular e acolhedor que possibilita outro tipo de interação com a pessoa, para conversar sobre assuntos mais profundos, fazer uma análise mais minuciosa da causa da dor. Para isso, o professor se capacita, se transforma e guia através de exemplos. O físico é um pouco mais fácil, porque os movimentos podem melhorar, mas eles só terão essa melhora em um ambiente onde a pessoa tenha esperança, acolhimento e respeito. A partir de todas essas considerações, melhorar o físico passa a ser um trabalho bem mais tranquilo”, afirma o especialista.

De acordo com o personal, o segredo é entender a causa das dores. Isso porque apenas dessa maneira é possível identificar a melhor forma de reabilitação e também de prevenção de novos desconfortos. “Se você sente uma dor no joelho, por exemplo, ela acompanha uma somatória de fatores do seu corpo, como estresse, má alimentação, a forma de pisar, um momento relaxado ou grato, tudo isso pode fazer seu joelho doer mais ou menos e está ligado à sua performance. Esse é um tipo de treinamento muito menos invasivo que outros mais tradicionais. Além disso, não há contraindicação e sempre se encontra uma solução para cada tipo de dor”, esclarece ele.

Dores sem motivo aparente

Samorai ainda completa dizendo que toda dor que não tem origem clara é reflexo de um estilo de vida ou de um comportamento inadequado. Para identificar isso, é preciso observar todos os (corpo, mente e espírito), que podem estar mais ou menos harmonizados. Ou seja, se a pessoa que sente dor não sabe o que fazer, a primeira recomendação é melhorar qualquer coisa nela mesma, entender o que está acontecendo interna e externamente e a percepção da dor já terá uma grande melhora. Os benefícios são resultado de todo esse cuidado que sempre tem como foco o bem-estar de todos.

Advertisement

Você também vai gostar

Notícias

O ritmo e a frequência da pulsação fornecem informações sobre a saúde cardíaca. Aprenda a checar em casa

Alimentação

Consumir açúcar refinado aumenta os níveis de gordura no corpo e o risco de desenvolver doenças como diabetes. Saiba como substituir o produto

Dor

15% dos brasileiros sofrem com enxaqueca, condição que pode ser tratada de diferentes formas. Veja quais terapias podem ajudar

Medicamentos

Anfetamina prescrita para TDAH é frequentemente usada como um estimulante. Conheça os riscos do Venvanse