Connect with us

O que você está procurando?

Doenças

Miopia: qual o risco de ter um grau alto e como diagnosticar

Oftalmologista explica quais os danos que a miopia acima dos 6 graus pode causar à saúde. O uso de lentes adequadas é imprescindível

Quais os riscos de ter um grau alto de miopia?
Quais os riscos de ter um grau alto de miopia? - Foto: Shutterstock

A miopia é uma das disfunções visuais mais comuns em todo o mundo. Quem é acometido pela condição tem dificuldades para focar objetos e imagens a longa distância, que ficam com um aspecto “turvo”. 

“A miopia geralmente ocorre quando a córnea do paciente é mais curva ou quando o comprimento de olho é maior do que o habitual. Isso faz com que o foco das imagens ocorra na parte da frente da retina, quando deveria se formar atrás dela”, explica Kleyton Barella, médico oftalmologista do Instituto Penido Burnier e especialista em catarata, glaucoma e cirurgia refrativa.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), quase 60 milhões de brasileiros, ou mais de 25% da população, são míopes. Esse número aumentou consideravelmente durante a pandemia de Covid-19, como apontou um estudo publicado em 2021 pela revista científica The Lancet. 

Segundo o levantamento, feito com oftalmologistas de toda a América do Sul, o isolamento social fez os índices de miopia progredirem cerca de 40% entre os jovens de 5 a 18 anos. Isso porque eles passaram a ficar mais tempo em contato direto com as luzes prejudiciais dos aparelhos eletrônicos.

Alta miopia

Apesar de presente em uma grande parcela da população, sabe-se que a doença não afeta a todos da mesma maneira. O oftalmologista explica que os pacientes podem apresentar baixa miopia (até 3 graus), média miopia (de 3 a 6 graus) e alta miopia (acima de 6 graus). E é esse último grupo que chama atenção.

“Pessoas com mais de 6 graus de miopia podem apresentar sintomas mais acentuados. Elas também estão mais propensas ao desenvolvimento de doenças oculares graves, como: glaucoma, catarata, deslocamento de retina e degeneração macular”, alerta o especialista.

Por isso, aqueles que são diagnosticados com alta miopia podem apresentar sintomas ainda mais acentuados. Os principais são fortes dores de cabeça, olhos vermelhos, incômodos frequentes na visão e até dificuldades em realizar tarefas simples, como ler um livro ou usar o computador.

Além disso, pessoas com altos graus de miopia estão mais propensas a sofrerem com cegueiras e outros problemas oculares graves. O profissional cita como exemplo o glaucoma, catarata, deslocamento de retina, degeneração macular, entre outros.

Cuidados necessários

Para evitar um possível agravamento da doença, pessoas míopes, devem adotar tratamentos corretivos o quanto antes, como o uso correto de óculos de grau e lentes de contato, por exemplo. Isso vale principalmente para quem tem média e alta miopia.

“É primordial que haja um acompanhamento frequente junto ao médico oftalmologista, que poderá analisar cada caso individualmente e indicar ao paciente as melhores soluções para que ele volte a enxergar e possa realizar as suas atividades diárias de forma confortável e prazerosa”, destaca Kleyton. 

Além das visitas regulares ao oftalmologista, pessoas míopes podem prevenir as complicações da doença com o uso de óculos e lentes de qualidade. Especialmente aquelas com altos índices refrativos, pois isso permite a confecção de lentes mais finas, já que a espessura costuma ser um fator primordial para a autoestima de quem usa óculos.

Uma lente ocular menos espessa também significa maior conforto. Isso porque o óculos pesa menos e, assim, é possível praticar todas as suas atividades diárias confortavelmente e por muito mais tempo. 

Advertisement

Você também vai gostar

Sem categoria

O glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo. Entenda a importância do diagnóstico precoce

Doenças

A cirurgia refrativa pode reduzir ou eliminar a reduzir a dependência de óculos ou lentes de contato. Saiba como é o procedimento

Doenças

De 60% a 80% dos casos de cegueira no mundo são evitáveis. Saiba quais doenças podem levar à cegueira de forma reversível e irreversível

Notícias

Pesquisas mostram um aumento no número de jovens com problemas de visão, muito em decorrência do uso exagerado das telas