Connect with us

O que você está procurando?

Busca

Saúde Bucal

Saúde bucal impacta diretamente no coração; entenda

Problemas que se originam na saúde bucal podem se espalhar pela corrente sanguínea e impactar todo o organismo, especialmente o coração

Saúde bucal impacta diretamente no coração; entenda
Saúde bucal impacta diretamente no coração; entenda - Foto: Shutterstock

Existem diversas formas de cuidar da saúde cardíaca,seja com uma alimentação equilibrada ou com a prática regular de exercícios físicos. No entanto, o que poucos sabem é que a saúde bucal pode impactar diretamente no coração. 

Ou seja, garantir uma escovação dental apropriada não só promove o bem-estar global do corpo, mas também está relacionado com um equilíbrio vital em todo o sistema. 

Isso porque problemas em uma área específica do organismo podem desencadear repercussões em outras regiões. A inflamação na gengiva, por exemplo, pode ser um precursor de complicações cardíacas.

Qual a relação entre a saúde bucal e a saúde do coração?

O especialista em odontologia, Dr. Marcos Laboissiere, CEO da Ilo Odontologia em Brasília, realça a conexão direta entre a saúde gengival e o sistema cardiovascular. Segundo ele, o sangramento gengival é um indicativo a ser considerado.

“Existe a possibilidade de que uma condição não tratada, como a gengivite, possa evoluir para uma periodontite mais avançada. Com isso, a inflamação se dissemina para estruturas como o osso, o ligamento periodontal e o cemento radicular. Tal evolução aumenta significativamente o risco de distúrbios cardíacos e problemas pulmonares.” relata o Dr. Marcos.

Segundo ele, os tecidos gengivais possuem um sistema de vascularização e inervação, sendo que a inadequação na prática da higiene bucal favorece a proliferação bacteriana nesses tecidos.

“Esses microrganismos têm a capacidade de entrar na corrente sanguínea e se disseminar pelo corpo, influenciando órgãos remotos como o coração (com possíveis contribuições para a iniciação ou agravamento de anomalias cardíacas) e as articulações”, explica.

Prevenção

Nesse contexto, cuidar da saúde bucal se mostra ainda mais importante. O especialista recomenda a adoção de práticas de higiene local meticulosas, incluindo a correta utilização do fio dental e uma técnica adequada de escovação.

Ele enfatiza ainda a importância de utilizar o fio dental de maneira a envolver o dente, deslizando entre cada dente até alcançar a base da gengiva, para então proceder à sua remoção.

Advertisement

Você também vai gostar

Dor

Ortopedista especialista em coluna aponta oito atitudes que podem ajudar a preservar o principal eixo de sustentação do nosso corpo

Alimentação

A introdução alimentar costuma ser um grande desafio, principalmente quando o bebê apresenta reações alérgicas

Insônia

Alguns mitos e desinformações atrapalham a rotina de sono dos recém-nascidos, o que é um desafio para a família e também para o bebê

Alimentação

Especialista em nutrologia explica as diferenças entre a doença celíaca, a intolerância ao glúten e a alergia ao trigo. Saiba os sintomas