Connect with us

O que você está procurando?

Emagrecer

Bariátrica: o que você precisa fazer antes da cirurgia

Pacientes que pretendem se submeter a uma cirurgia bariátrica passam por um longo e desafiador caminho de preparação

Bariátrica: o que você precisa fazer antes da cirurgia
Bariátrica: o que você precisa fazer antes da cirurgia - Foto: Shutterstock

Antes de entrar no centro cirúrgico, candidatos à cirurgia bariátrica percorrem um caminho de preparação intensa, marcado por avaliações físicas e psicológicas. Isso porque o procedimento promete mais do que a perda de peso, mas também uma nova perspectiva de vida.

Os primeiros passos

A jornada começa pelo cálculo do Índice de Massa Corporal (IMC), uma métrica que determina a elegibilidade para o procedimento. Mas, segundo o Dr. Eduardo Grecco, médico gastrocirurgião e endoscopista, essa é apenas a superfície de um mergulho profundo no estado de saúde e nos hábitos dos pacientes. 

A avaliação inicial, explica o médico, vai além e desempenha um papel crucial. É a partir dela que começam a ser definidos os próximos passos, como qual procedimento adotar. isto é, a cirurgia bariátrica tradicional ou procedimentos endoscópicos como o balão intragástrico e a sutura endoscópica, por exemplo. 

“Os procedimentos iniciais ajudam na melhor indicação. Se esse paciente é um paciente que vai para uma cirurgia bariátrica, qual o tipo de cirurgia ou se ele vai para o procedimento endoscópico com balão intragástrico com uma sutura endoscópica”, explica Grecco.

Mudança de hábitos

Em seguida, o paciente passa por uma avaliação médica detalhada, que abrange desde exames cardiológicos até uma análise nutricional via bioimpedância. Este momento revela a preocupação em adaptar o corpo para as mudanças que virão. 

“É feito uma avaliação nutricional completa. A partir daí é importante que esse paciente já comece uma orientação nutricional para melhorar a sua dieta”,  destaca o médico. 

Este processo não apenas prepara o organismo para o procedimento, mas também inicia uma transformação nos hábitos alimentares do paciente, essencial para o sucesso pós-operatório.

Preparo mental e emocional é importante

Além do corpo, a mente do paciente também recebe atenção especial. O suporte psicológico, essencial para o preparo emocional, trata de temas como o estresse e a relação entre fome e vontade de comer. “O acompanhamento psicológico é fundamental. O controle da ansiedade desses pacientes, por exemplo, é crucial,” salienta Grecco. 

Segundo o médico, o tratamento para a obesidade não se resume a um procedimento médico. Ela representa o ápice de um processo de transformação que começa muito antes do paciente chegar ao centro cirúrgico. Da avaliação inicial à reeducação alimentar e ao suporte psicológico, cada etapa prepara o indivíduo para uma nova vida, na qual a perda de peso é apenas um dos muitos benefícios. 

Longe de ser um caminho fácil, a preparação para a cirurgia bariátrica é uma prova de comprometimento e força, um prelúdio silencioso para a sinfonia da transformação pessoal.  Ela exige uma dedicação integral, tanto do corpo quanto da mente, pavimentando um terreno fértil para o florescimento de hábitos saudáveis e uma nova autoimagem.

Advertisement

Você também vai gostar

Sem categoria

O glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo. Entenda a importância do diagnóstico precoce

Saúde Bucal

A cárie oculta costuma surgir em locais onde a escova de dentes e o fio dental não alcançam. Veja como identificar o problema

Beleza

A rinoplastia é uma das cirurgias plásticas mais feitas no Brasil, mas ainda é cercada de muitos mitos e tabus

Dor

Ortopedista aponta que a dor pode surgir no quadril sem percebermos, e irradiar para o joelho, causando bastante desconforto