Connect with us

O que você está procurando?

Fitness

Define, emagrece e previne doenças: conheça a ginástica localizada

A ginástica localizada busca aumentar a força e resistência muscular, impactando o metabolismo, o sistema cardiorrespiratório e mais

Define, emagrece e previne doenças: conheça a ginástica localizada
Define, emagrece e previne doenças: conheça a ginástica localizada - Foto: Shutterstock

A ginástica localizada é um método de condicionamento físico que trabalha grupos musculares específicos, consistindo em realizar diferentes movimentos repetitivos, como flexionar algum membro ou saltar, por exemplo. O objetivo é tonificar os músculos, aumentando a força e resistência muscular. Mas esses estão longe de ser os únicos benefícios da prática.

De acordo com Mônica Marques, educadora física e diretora técnica da Cia Athletica, o intuito da ginástica localizada é melhorar o condicionamento físico de forma geral, assim como aumentar a flexibilidade, a força e a resistência muscular. “Esse tipo de exercício traz muitos benefícios ao corpo, incluindo a definição e a tonificação muscular, além do gasto calórico elevado”, explica.

Além disso, a prática é uma grande aliada para quem deseja perder peso. Afinal, uma única aula de 45 minutos de ginástica localizada pode queimar até 500 calorias, devido ao enorme gasto de energia. 

Além da alta queima calórica, os exercícios localizados para perna, abdômen, costas e braços melhoram o sistema cardiorrespiratório. “Isso porque o coração e os pulmões precisam trabalhar mais para bombear sangue e levar oxigênio para os músculos, para que consigam realizar os movimentos. O resultado disso é o fortalecimento desses órgãos, o que os deixa menos suscetíveis a doenças respiratórias e cardíacas”, afirma Mônica.

A ginástica localizada traz ainda outros benefícios para a qualidade de vida, como a melhora da concentração e da coordenação motora, não só na execução dos exercícios, como também em outras atividades do cotidiano.

Ginástica localizada na prática

A modalidade pode envolver o uso de algum aparelho para intensificar os resultados ou facilitar a execução dos exercícios, como uma plataforma abdominal. Geralmente, também são utilizados equipamentos como halteres, barras, caneleiras, bastões, faixas elásticas e colchonetes. No entanto, os aparelhos não são obrigatórios, mas essa escolha vai depender do objetivo de quem pratica e do plano de treino que o professor elaborar.

Advertisement

Você também vai gostar

Notícias

O ritmo e a frequência da pulsação fornecem informações sobre a saúde cardíaca. Aprenda a checar em casa

Alimentação

Consumir açúcar refinado aumenta os níveis de gordura no corpo e o risco de desenvolver doenças como diabetes. Saiba como substituir o produto

Dor

15% dos brasileiros sofrem com enxaqueca, condição que pode ser tratada de diferentes formas. Veja quais terapias podem ajudar

Medicamentos

Anfetamina prescrita para TDAH é frequentemente usada como um estimulante. Conheça os riscos do Venvanse