Connect with us

O que você está procurando?

Dor

Dor na lombar? Veja 5 hábitos para abandonar hoje mesmo

O envelhecimento é uma das principais causas da dor na lombar. Porém, alguns maus hábitos também podem levar ao desconforto

Dor na lombar? Veja 5 hábitos para abandonar hoje mesmo
Dor na lombar? Veja 5 hábitos para abandonar hoje mesmo - Foto: Shutterstock

Muitas vezes associada à idade, a dor na lombar tem, na verdade, diversas causas. Os maus hábitos, aliás, estão entre os principais propulsores do desconforto, alerta o Dr. Diogo Noronha, cirurgião de coluna vertebral.

Também conhecida como lombalgia, a dor na lombar ocorre na  parte inferior da coluna vertebral, e pode ter várias características diferentes, explica o médico. Diogo detalha os tipos de incômodo que mais atingem a região:

  • Dor que se inicia de maneira súbita;
  • Dor crônica;
  • Desconforto que irradia para os glúteos e/ou coxas, até os joelhos e pés;
  • Incômodo que se agrava com o movimento. Isto é, ao sentar-se, parar, levantar objetos ou inclinar-se;
  • Dor que pode ser aliviada com o repouso e calor;
  • Dor associada a formigamento e, em alguns casos, perda de força das pernas. 

Causas e tratamento da dor na lombar

A dor na lombar tem muitas origens diferentes. Então temos que suspeitar de cada uma delas, destaca o cirurgião. 

“A origem do problema pode ser muscular (dor mecânica), pode ser pela compressão de um ou vários nervos (hérnia de disco e estenose de canal), pode acontecer pela degeneração natural das articulações (artrose), ou pelo escorregamento de uma vértebra por sobre a outra (listese)”, explica Diogo.

Segundo ele, o tratamento é individualizado para cada uma dessas origens, mas a primeira escolha na grande maioria dos casos é optar pelo tratamento sem cirurgia. Nesse caso, o foco é fortalecer a musculatura através de fisioterapia, natação, pilates e até mesmo musculação. “Nos casos de insucesso do tratamento conservador as diferentes modalidades cirúrgicas se tornam uma opção”, diz o médico. 

5 hábitos que você deve abandonar hoje mesmo

O cirurgião de coluna vertebral aponta cinco hábitos que causam e/ou pioram a dor na lombar e, portanto, devem ser abandonados. Confira:

1 – Sedentarismo

A boa saúde dos músculos é essencial para dar apoio à coluna vertebral. Por isso, é muito importante mantê-los fortes e tonificados com a prática regular de exercícios físicos. 

“Não se deve esperar até que as dores apareçam para criar o (bom) hábito de praticar atividade física. Para a prevenção de dores nas costas, exercícios que alongam a coluna e o abdômen são a melhor opção”, diz o especialista.

2 – Carregar peso em excesso

Apesar do exercício físico ser uma excelente prevenção para dor lombar, carregar muito peso ou fazer isso da forma errada pode causar lombalgia. Por isso, é preciso saber que existem maneiras mais eficazes de carregar objetos pesados e se policiar para colocá-las em prática sempre que for preciso, orienta o profissional. 

3 – Má postura

O uso constante de celulares, laptops e outros eletrônicos faz com que tenhamos uma postura inadequada. Portanto, preste atenção quando for usar estes equipamentos ou mesmo quando for relaxar assistindo um filme na TV. 

“É preciso se policiar e certificar-se de que o pescoço permaneça reto para evitar futuros problemas. O problema se agrava para quem trabalha com computador e permanece longos períodos sentado, já que ficar nessa posição coloca mais pressão na coluna do que estar de pé”, adverte o médico.

4 – Alimentação deficiente

Ingerir um excesso de calorias, muitas delas pobres em nutrientes, leva ao sobrepeso e ao consequente desgaste da coluna. Além disso, as pessoas com excesso de peso têm um risco acrescido de desenvolvimento de osteoporose. 

“Por isso, esforçar-se para mudar os hábitos alimentares pode significar menos dores nas costas no futuro. Para algumas pessoas, uma redução de apenas 5% do peso corporal já é capaz de fazer uma bela diferença nas condições das suas costas’, ressalta o Dr. Diogo.

5 – Dormir mal

Para que tenhamos um sono realmente reparador, sem continuar forçando a coluna mesmo estando deitados, a posição mais recomendada por especialistas é a lateral. 

“Quando dormimos de barriga para baixo ou para cima, a coluna não permanece reta, o corpo não relaxa e as dores eventualmente surgem. Ao dormir, também é importante observar a posição do pescoço em relação ao corpo”, destaca o médico. 

Advertisement

Você também vai gostar

Sem categoria

O glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo. Entenda a importância do diagnóstico precoce

Saúde Bucal

A cárie oculta costuma surgir em locais onde a escova de dentes e o fio dental não alcançam. Veja como identificar o problema

Beleza

A rinoplastia é uma das cirurgias plásticas mais feitas no Brasil, mas ainda é cercada de muitos mitos e tabus

Dor

Ortopedista aponta que a dor pode surgir no quadril sem percebermos, e irradiar para o joelho, causando bastante desconforto