Connect with us

O que você está procurando?

Notícias

LCA: entenda a lesão do Neymar

A lesão do ligamento cruzado anterior (LCA) é muito comum em atletas. Jogador se lesionou durante jogo pela Seleção

LCA: entenda a lesão do Neymar
LCA: entenda a lesão do Neymar - Foto: Reprodução Instagram (@neymarjr)

Neymar sofreu uma lesão no jogo desta terça-feira (17), em que a Seleção Brasileira perdeu de 2 a 0 para o Uruguai. O jogador lesionou o ligamento cruzado anterior (LCA), que une os ossos tíbia e fêmur, e é essencial para a estabilidade da articulação. Ele também lesionou menisco, cartilagem que age como uma almofada entre os ossos e ajuda na absorção de impactos. 

O tratamento requer cirurgia, na qual os médicos substituem o ligamento lesionado por um enxerto. A taxa de sucesso do procedimento é superior a 95% dos casos. No entanto, o tempo de recuperação é longo, e o jogador pode ficar até oito meses afastado de campo.

Processo de recuperação

Tão importante quanto a cirurgia, é o processo de reabilitação pós-operatória, destaca o Dr. Marcos Cortelazo, ortopedista especialista em joelho e traumatologia esportiva, membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT).

“Se realizada de maneira inadequada, pode comprometer o sucesso do tratamento. Esse processo envolve, principalmente, sessões de fisioterapia, com foco, inicialmente, na recuperação dos movimentos e, depois, no fortalecimento do ligamento”, afirma o médico.

De acordo com ele, grande parte dos pacientes consegue retornar à prática esportiva no mesmo nível de intensidade e performance. Para isso, é fundamental que o tratamento seja adequado e o retorno seja gradual. Isto é, de acordo com a velocidade de reabilitação do paciente e sempre com liberação do médico. 

“O tempo necessário para que o atleta retorne às atividades pode variar de acordo com cada caso. Mas é importante que esse processo não seja apressado, pois retornar precocemente à prática esportiva pode aumentar significativamente o risco de lesões no joelho”, alerta o especialista.

O que é a lesão do LCA?

Lesões do LCA são as principais causas de indicação cirúrgica entre atletas e esportistas, o que os afasta de treinos e competições. “O ligamento cruzado anterior é responsável por estabilizar a articulação do joelho, principalmente em momentos de aceleração e desaceleração ou em movimentos de giro”, explica o Dr. Marcos.

Por isso, a contusão é bastante frequente em esportes que exigem mudanças frequentes de posição, como o futebol. “O mecanismo do trauma geralmente envolve a movimentação do joelho para dentro ao mesmo tempo em que a tíbia é rotacionada para fora e o pé está preso ao chão”, detalha o médico.

Alerta: lesão do LCA não se restringe a atletas

Conforme o ortopedista, não são apenas atletas profissionais que estão suscetíveis a esse tipo de lesão. Ela também pode afetar esportistas amadores e até mesmo não praticantes de atividade física, devido a quedas, por exemplo. 

“Obesidade, fraqueza muscular, sobrecarga de treinos, idade avançada, hipermobilidade articular, joelho valgo (para dentro) e lesões prévias do LCA são alguns dos fatores que favorecem a ocorrência desse tipo de trauma”, diz o especialista. 

Como evitar uma lesão do LCA?

Para evitar o problema, é fundamental adotar algumas cautelas durante a prática de exercícios, conforme o Dr. Marcos Cortelazo apontou abaixo:

Busque orientação profissional

Antes de iniciar a prática de qualquer tipo de atividade física, é importante procurar um profissional capacitado, como educadores físicos, para orientá-lo sobre como realizar os exercícios físicos corretamente. Isso porque a prática de atividade física sem o devido acompanhamento profissional pode acarretar em sobrecarga, repetição excessiva e realização incorreta dos exercícios, que estão entre as principais causas de lesões do joelho. Para quem já sente dores no joelho essa dica é ainda mais importante.

Aqueça-se

“O aquecimento é indispensável para preparar não somente o joelho, mas o corpo todo, de articulações até órgãos como o coração, para o exercício que está por vir. Começar a se exercitar com o músculo e as articulações ainda rígidas pode favorecer a ocorrência de lesões”, diz o ortopedista.

Alongue-se

Alongamento não é sinônimo de aquecimento e também deve ser realizado antes da prática de exercícios, logo após o aquecimento. “O alongamento ajuda a aumentar a flexibilidade dos músculos e a amplitude da articulação do joelho, o que contribui para diminuir a carga e a pressão sobre os joelhos e, consequentemente, o risco de lesões”, explica Marcos.

Aposte em exercícios de fortalecimento

Eles ajudam a prevenir novas lesões.. “Como o joelho depende da ação de 10 músculos para funcionar, o alongamento e fortalecimento muscular melhora a função articular da região. Além disso, também ajuda a manter sua estabilidade durante o movimento, além de reduzir a carga sobre a articulação”, destaca o ortopedista.

Escolha o calçado adequado

“O calçado deve oferecer estabilidade, possuir um tamanho adequado para seu pé e, claro, ser confortável. Além disso, o tênis escolhido deve estar de acordo com o seu tipo de pisada e a atividade física que será praticada”, exemplifica o especialista.

Fique atento aos sinais do seu corpo

Ao sentir dores no joelho durante a prática de atividade física, não ignore! Segundo o médico, a lesão do ligamento cruzado anterior é geralmente acompanhada de um estalo seguido por uma dor súbita no joelho. “Após o momento do trauma, o paciente pode notar inchaço e sentir redução da mobilidade e instabilidade da região, com a sensação de joelho frouxo e falhando”, afirma o médico.

Além disso, a intensidade dos sintomas pode variar de acordo com a gravidade da lesão, com algumas pessoas conseguindo realizar atividades normalmente, enquanto outras sentem dores mesmo com o menor dos movimentos. 

“Na dúvida, o mais importante é sempre buscar auxílio médico ao suspeitar de uma possível lesão do LCA, tanto para confirmar o diagnóstico quanto para verificar a ocorrência de outras lesões comumente associadas, como lesões do menisco e das cartilagens”, diz o ortopedista.

Advertisement

Você também vai gostar

Medicamentos

Anfetamina prescrita para TDAH é frequentemente usada como um estimulante. Conheça os riscos do Venvanse

Fitness

Especialista em fisiologia do exercício aponta as principais diferenças entre crossfit, musculação, treino funcional e calistenia

Emagrecer

Diversos fatores levam ao ganho de peso. Conhecê-los é fundamental para conseguir emagrecer definitivamente

Dor

Diversos sintomas podem atingir o joelho, uma articulação naturalmente sobrecarregada. Entenda se os “estalos” exigem atenção