Connect with us

O que você está procurando?

Dor

Luxação: entenda uma das lesões mais comuns do futebol

Médico ortopedista explica as principais diferenças entre os tipos de luxação, que podem acometer patela, joelho, pé e tornozelo

Luxação: entenda uma das lesões mais comuns do futebol
Luxação: entenda uma das lesões mais comuns do futebol - Foto: Shutterstock

Luxação é um tipo de lesão bastante comum em jogadores de futebol. Existem diferentes tipos, mas a luxação de patela é a lesão mais comum no esporte. Já as luxações de joelho, pé e tornozelo são eventos raros, principalmente em atividades esportivas. 

O Dr. Moisés Cohen, médico do Hospital Israelita Albert Einstein, especializado em ortopedia e traumatologia, cirurgia do joelho e trauma do esporte, explica as principais diferenças entre os tipos de luxação.

Luxação de patela

A patela é o osso que fica na parte anterior do joelho – também conhecida, no passado, como rótula. Ela participa do mecanismo de desaceleração do joelho. “A luxação acontece quando a patela perde o contato com o trilho onde ela corre e fica fora do lugar natural. Pode ser provocada por eventos traumáticos de impacto ou movimentos rotatórios”, explica o médico.

Alguns fatores podem contribuir para a ocorrência deste tipo de lesão. É o caso, por exemplo, quando o trilho onde a patela corre é mais alto e, portanto, fica na parte mais rasa desse trilho. Joelho em forma de “X” (geno valgo) e frouxidão ligamentar também influenciam.

“Junto da luxação da patela costuma acontecer a ruptura do ligamento patelofemoral, que fica na parte de dentro e ajuda a segurar a patela no lugar. Às vezes, quando ela sai do lugar, também machuca a cartilagem, porque tem o impacto da cartilagem da patela com a cartilagem do fêmur”, acrescenta o especialista. 

Os tratamentos inicialmente podem ser não cirúrgicos. No entanto, quando as lesões se tornam repetitivas, a melhor indicação é a cirurgia.

Joelho

A luxação de joelho é um evento muito grave, afirma o ortopedista. “Acontece quando a articulação perde totalmente o contato, ou seja, quando existe uma ruptura de praticamente todos os ligamentos, ou pelo menos três ou quatro ligamentos importantes se rompem e o joelho perde a sua congruência, perde o contato”, explica.

Isso acontece em traumas graves, como acidentes de carro e moto, quando o joelho bate contra o painel do carro ou contra o volante. Sempre há necessidade de cirurgia para reconstruir os ligamentos e dar estabilidade ao joelho, informa o Dr. Moisés.

Esta lesão ocorre quando os ossos do pé perdem o contato, e é relativamente frequente quando se tem uma torção muito grande do pé. São vários os ossos que mantêm contato entre si e perdem essa conexão pela ruptura do ligamento que os une, explica o ortopedista

“Isso gera muita dor, desvio do alinhamento do pé e, geralmente, é indicado um procedimento para recolocar o pé no lugar. Eventualmente, se for instável, também pode ser necessário um procedimento cirúrgico”, detalha o especialista.

Luxação de tornozelo

Acontece também em traumas de alta energia, quando ocorre o movimento de torção, provocando uma lesão de vários ligamentos. Isso faz com que o osso tálus (que fica embaixo da tíbia) se movimente e saia da pinça do tornozelo

Conforme o médico, essa luxação no futebol pode acompanhar fratura ou não. “Os ligamentos e a cápsula que os revestem acabam rompendo e a lesão pode se dar por diversos fatores”, acrescenta.

Importante lembrar

“Todas as luxações são lesões emergenciais, devendo colocar-se no lugar o mais rápido possível para não haver dano da cartilagem articular que recobre os ossos. Posteriormente, procede-se para tratamentos mais definitivos”, alerta o especialista em traumatologia.

Advertisement

Você também vai gostar

Notícias

O ritmo e a frequência da pulsação fornecem informações sobre a saúde cardíaca. Aprenda a checar em casa

Alimentação

Consumir açúcar refinado aumenta os níveis de gordura no corpo e o risco de desenvolver doenças como diabetes. Saiba como substituir o produto

Dor

15% dos brasileiros sofrem com enxaqueca, condição que pode ser tratada de diferentes formas. Veja quais terapias podem ajudar

Medicamentos

Anfetamina prescrita para TDAH é frequentemente usada como um estimulante. Conheça os riscos do Venvanse