Connect with us

O que você está procurando?

Beleza

Posso fazer skincare com receitas caseiras? Veja o que diz dermatologista

Especialista alerta sobre os potenciais de receitas caseiras para skincare e ensina a identificar o seu tipo de pele

Posso fazer skincare com receitas caseiras? Veja o que diz dermatologista
Posso fazer skincare com receitas caseiras? Veja o que diz dermatologista - Foto: Shutterstock

Quem deseja começar uma rotina de skincare pode se desanimar com os preços dos cosméticos. Por isso, muitas vezes, as receitas caseiras que aparecem pela internet acabam sendo a opção mais viável. Mas será que esta é também uma alternativa segura e eficaz?

Muitas dessas receitas envolvem ingredientes naturais como mel, aveia, iogurte e óleos essenciais – que, de fato, são benéficos para a saúde. Contudo, quando usados para o skincare, podem acarretar em riscos à pele, alerta a Dra. Sylvia Ramuth, médica pós-graduada em dermatologia e diretora técnica da rede Emagrecentro.

Riscos de receitas caseiras para skincare

Dentre os principais riscos, está a irritação da pele, principalmente para indivíduos com peles sensíveis; contaminação bacteriana, já que esses produtos podem estar contaminados por microrganismos e não contam com a regulamentação de dermocosméticos; e também há o risco de reações alérgicas.

Além disso, apesar de não ser um efeito colateral/adverso, muitas dessas receitas caseiras apresentam falta de eficácia. “Isso porque muitos desses ingredientes caseiros que aparecem na internet não apresentam evidências científicas para apoiar suas alegações de benefícios para a pele, e o pior alguns podem além de ser ineficazes, serem prejudiciais”, adverte a especialista. 

Por isso, a dermatologista indica a utilização de produtos recomendados pelo seu médico de acordo com seu tipo de pele e que estejam de acordo com a Anvisa. “E o mais importante: que tenham ciência por trás”, destaca.

Saiba como identificar o próprio tipo de pele

O primeiro passo para utilizar os dermocosméticos certos para a sua rotina de skincare é conhecer seu próprio tipo de pele. E, segundo a médica, é possível fazer isso de forma rápida e simples, com um teste em casa.

“Faça a limpeza facial suave com sabonete sem espuma, enxágue e deixe sua pele secar naturalmente, sem aplicar qualquer produto. Após 30 minutos, se você sentir sua pele áspera, sensação de repuxamento ou desidratada, é provável que seja seca”, diz a profissional.  

Por outro lado, se sua pele parecer brilhante e gordurosa, é provável que seja oleosa. Agora, se sua zona T(testa, nariz e queixo) parecer oleosa, enquanto as bochechas permanecem relativamente normais, é provável que você tenha pele mista, detalha a Dra. Sylvia.

Basicamente, assim se definem os tipos de pele, conforme a dermatologista:

  • Pele seca: sensação de repuxamento e desconforto, especialmente após a limpeza. Textura áspera e descamação. Pode ser mais propensa a vermelhidão e irritação;
  • Pele oleosa: sensação de oleosidade excessiva ao longo do dia, especialmente na zona T (testa, nariz e queixo);
  • Poros dilatados e visíveis: pele propensa a acne, cravos e espinhas.
  • Pele mista: é caracterizada por uma combinação de áreas secas e oleosas. Geralmente, a zona T é oleosa, enquanto as bochechas podem ser normais a secas.

“Lembre-se de que seu tipo de pele pode mudar ao longo do tempo devido a vários fatores, como clima, idade, hormônios e produtos. Portanto, é importante monitorar regularmente suas necessidades de cuidados com a pele e ajustar sua rotina conforme necessário”, destaca.

Os primeiros passos do skincare

Após compreender seu tipo de pele, o próximo passo é realizar a fotoproteção junto com a limpeza facial. Ambos são primordiais para o início de uma rotina. 

“Lembre-se de aplicar protetor solar diariamente, mesmo em dias nublados ou chuvosos. Afinal, o protetor solar ajuda a proteger a pele dos danos causados pelos raios UV, incluindo queimaduras solares, envelhecimento precoce e câncer de pele”, salienta a médica. 

Já a limpeza facial deve ser realizada duas vezes ao dia, pela manhã e à noite.

Sylvia ressalta ainda que menos é mais, principalmente se tratando de uma rotina de skincare. Para ter resultado, demandamos de uma rotina e hábito, ou seja, é importante lembrar que a consistência é fundamental ao cuidar da pele. 

“Mesmo que você não veja resultados imediatos, continue com sua rotina de cuidados com a pele para obter os melhores resultados a longo prazo. E o melhor remédio é a prevenção, portanto usem e abusem da fotoproteção”, enfatiza a especialista.

Advertisement

Você também vai gostar

Fitness

Se você treina e ainda consome refrigerante regularmente, veja os prejuízos que a bebida está causando ao seu organismo

Saúde Bucal

Mesmo com dentes de leite, as crianças com bruxismo devem passar pelo tratamento, uma vez que a condição pode causar problemas mais graves

Sem categoria

O glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo. Entenda a importância do diagnóstico precoce

Saúde Bucal

A cárie oculta costuma surgir em locais onde a escova de dentes e o fio dental não alcançam. Veja como identificar o problema