Connect with us

O que você está procurando?

Insônia

Ronco pode indicar problemas de saúde; veja como prevenir

Ronco está associado a problemas como apneia do sono e doenças cardiovasculares. Saiba como tratar e prevenir a condição

Ronco pode indicar problemas de saúde; veja como prevenir
Ronco pode indicar problemas de saúde; veja como prevenir - Foto: Shutterstock

Um sono de qualidade é imprescindível para manter a saúde e o bem-estar. Isso porque dormir mal acarreta em diversos prejuízos ao organismo, desde problemas metabólicos até a fertilidade e a saúde mental. Mas dormir bem não significa apenas dormir 8 horas por noite. É importante garantir que nada esteja atrapalhando seu descanso, ou dando sinais de problemas de saúde — como é o caso do ronco, por exemplo.

“Ronco é um som que ocorre quando há turbilhonamento do ar que está passando pela orofaringe, gerando vibração dos tecidos. Isto geralmente decorre do bloqueio parcial do fluxo de ar e pode estar relacionado à posição que se dorme ou devido a uma condição de saúde”, explica a Dra. Renata Castro, cardiologista e especialista em medicina esportiva.

Apesar de o ronco ser algo comum, ele pode ser um sinal de alerta para condições graves de doenças. “Isso ocorre quando ele está associado, por exemplo, à apneia do sono, que leva à queda da saturação de oxigênio no sangue”, alerta Renata, que também é diretora-executiva da Ipanema Health Club. A especialista também afirma que roncar geralmente indica uma má qualidade do sono, o que merece uma avaliação.

Alerta para doenças cardiovasculares

Roncar durante a noite também pode indicar problemas no sistema cardiovascular. Diversos estudos correlacionam o ronco, a qualidade do sono e a apneia obstrutiva do sono às doenças cardiovasculares, aponta a cardiologista. 

“Mais especificamente, um estudo publicado no final de 2022 avaliou a qualidade do sono de 1920 pessoas, com idade média de 69 anos, e identificou que a má qualidade do sono estava associada à maior incidência de doenças cardiovasculares nessa população”, destaca.

Prevenção e tratamento do ronco

Felizmente, é possível tratar e até mesmo prevenir o ronco. Dentre as formas de prevenção, a médica recomenda a adoção de hábitos de vida saudáveis, a manutenção do peso, prática regular de exercícios físicos e prática de cuidados com a higiene do sono.

Para tratar a condição, antes é preciso identificar a causa. “O primeiro passo é estudar a qualidade do sono e, para isso, contamos com o exame de polissonografia. Vale lembrar que esse exame antigamente era complexo, e exigia que o paciente dormisse em uma clínica, com uma série de equipamentos acoplados. Atualmente, conseguimos fazer uma polissonografia na casa do paciente, com bastante conforto”, ressalta a profissional.

Ela acrescenta que, cada vez mais, sabemos que a qualidade do sono é parte essencial de nossa qualidade de vida. De acordo com a profissional, a própria American Heart Association inclui a avaliação do sono como ponto fundamental para que tenhamos uma vida saudável e a saúde cardiovascular em dia. 

“Não pensem que o ronco é só uma questão social ou uma causa de reclamação de quem dorme com você. O ronco é um sinal de que alguma coisa não vai bem com sua saúde. Além disso, a apneia influencia negativamente na sua qualidade de vida, gerando irritabilidade, problemas cardiovasculares e reduzindo sua produtividade diurna”, conclui Renata.

Advertisement

Você também vai gostar

Sem categoria

O glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo. Entenda a importância do diagnóstico precoce

Saúde Bucal

A cárie oculta costuma surgir em locais onde a escova de dentes e o fio dental não alcançam. Veja como identificar o problema

Beleza

A rinoplastia é uma das cirurgias plásticas mais feitas no Brasil, mas ainda é cercada de muitos mitos e tabus

Dor

Ortopedista aponta que a dor pode surgir no quadril sem percebermos, e irradiar para o joelho, causando bastante desconforto