Connect with us

O que você está procurando?

Doenças

SP registra 1º óbito por febre amarela; veja como prevenir

O estado de SP passou a reforçar a reforçar a importância da vacinação contra a febre amarela após primeiro óbito de 2024 ser registrado

SP registra 1º óbito do ano por febre amarela; veja como prevenir
SP registra 1º óbito do ano por febre amarela; veja como prevenir - Foto: Shutterstock

O estado de São Paulo registrou o primeiro óbito do ano em decorrência da febre amarela. Além deste caso, outras pessoas infectadas com o vírus foram identificadas no país, mas seguem em recuperação. Esse cenário acendeu um alerta para as autoridades de saúde.

Febre amarela

A febre amarela é uma doença infecciosa febril aguda, imunoprevenível, de evolução abrupta e gravidade variável, com elevada letalidade nas suas formas graves, informa o Ministério da Saúde.

A doença é causada por um vírus transmitido por mosquitos, e possui dois ciclos de transmissão: urbano e silvestre.  No ciclo urbano, a transmissão ocorre a partir de vetores urbanos (Ae. aegypti) infectados. No ciclo silvestre, os transmissores são mosquitos com hábitos predominantemente silvestres, sendo os gêneros Haemagogus e Sabethes os mais importantes.

A condição tem esse nome porque a pessoa fica amarela, já que a infecção aumenta a presença de bilirrubina no corpo. A substância é decorrente de uma lesão no fígado consequência da febre, o que leva a uma insuficiência hepática

“As consequências da insuficiência hepática, na maioria das vezes, leva a pessoa a óbito”, aponta o Dr. Julio Henrique Onita, infectologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz.

Além disso, a febre amarela pode levar a outras condições, como uma encefalite, causando confusão mental. O problema também coloca a vida em risco.

Sintomas de febre amarela

Segundo o infectologista, como qualquer doença viral, as principais manifestações são mal estar, dor no corpo, queda do estado geral e dor abdominal (quando começa a inflamar o fígado).

“Essas manifestações surgem rapidamente, no intervalo de uma semana o paciente já está bastante mal. É uma evolução bastante agressivo”, alerta o médico.

Prevenção

A principal forma de prevenir a febre amarela é com a vacina. Desde abril de 2017, o Brasil adota o esquema vacinal de apenas uma dose durante toda a vida, medida que está de acordo com as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS). 

Portanto, toda pessoa que reside em Áreas com Recomendação da Vacina contra febre amarela e pessoas que irão viajar para essas áreas devem se imunizar pelo menos 10 dias antes do deslocamento.

Além disso, o Dr. Julio Henrique recomenda o uso de barreiras contra o mosquito, como telas e repelentes.

Advertisement

Você também vai gostar

Doenças

Também conhecida como hipertensão, a pressão alta atinge 32,5% da população adulta brasileira, o que representa 36 milhões de pessoas. Além disso, mais de...

Notícias

O ritmo e a frequência da pulsação fornecem informações sobre a saúde cardíaca. Aprenda a checar em casa

Alimentação

Consumir açúcar refinado aumenta os níveis de gordura no corpo e o risco de desenvolver doenças como diabetes. Saiba como substituir o produto

Dor

15% dos brasileiros sofrem com enxaqueca, condição que pode ser tratada de diferentes formas. Veja quais terapias podem ajudar