Connect with us

O que você está procurando?

Fitness

5 dicas essenciais para quem pratica exercícios físicos no calor

O calor intenso do verão pode ser um desafio para a saúde daqueles que não abandonam a rotina de exercícios na estação

5 dicas essenciais para quem pratica exercícios físicos no calor
5 dicas essenciais para quem pratica exercícios físicos no calor - Foto: Shutterstock

O verão exige cuidados redobrados com a saúde. Especialmente para quem pratica exercícios físicos mesmo durante o calor intenso característico da estação. 

Riscos de se exercitar no calor

Afinal, as altas temperaturas costumam aumentar a transpiração, levando à perda rápida de líquidos. A desidratação, por consequência, pode causar fadiga, tonturas e até complicações mais graves.

“Exercitar-se sob o sol escaldante pode levar ao superaquecimento, aumentando o risco de golpe de calor. Isso pode resultar em sintomas como náuseas, confusão mental e, em casos extremos, danos aos órgãos”, alerta a médica nutróloga Dra. Nathany Ribeiro.

Além disso, ao se expor de maneira excessiva aos raios UV pode acontecer queimaduras solares e aumentar o risco de câncer de pele. Portanto, proteger a pele é crucial ao se exercitar ao ar livre.

Outro ponto importante é em relação às pessoas com condições médicas pré-existentes, como problemas cardíacos. Isso porque elas podem enfrentar riscos adicionais ao se exercitar no calor, uma vez que as temperaturas elevadas sobrecarregam o sistema cardiovascular. A supervisão médica, portanto, é vital nesses casos.

Por fim, o desconforto causado pelo calor excessivo pode diminuir o desempenho físico e aumentar a probabilidade de lesões durante os exercícios.

Como evitar problemas

Quer manter a rotina de exercícios físicos mesmo na estação mais quente do ano? A Dra. Nathany dá algumas dicas para você se exercitar de forma saudável no verão. Confira:

1º – Hidratação de maneira constante

Beba água regularmente antes, durante e após o exercício para manter-se hidratado. Além disso, evite bebidas com cafeína e álcool, que podem aumentar a desidratação.

2º – Escolha horários estratégicos

Você pode se exercitar nas primeiras horas da manhã ou no final da tarde, quando as temperaturas são mais amenas, evitando o pico de calor ao meio-dia.

3º – Vista-se de maneira adequada

Use roupas leves, de preferência em tons claros e tecidos que permitam a respiração da pele. Um chapéu e óculos de sol também oferecem proteção adicional.

4º – Aplique protetor solar 

Passe protetor solar de amplo espectro antes de sair. Não se esqueça de reaplicar conforme necessário para evitar danos causados pelos raios UV.

5º – Fique atento aos sinais do seu corpo

Escute seu corpo e esteja atento aos sinais de superaquecimento, como tonturas, náuseas ou fraqueza. Faça pausas quando necessário e não hesite em interromper o exercício se sentir desconforto.

“Cuidar do nosso corpo sob o calor ardente é mais do que uma precaução; é um compromisso com a nossa saúde a curto e longo prazo. O sol pode ser nosso aliado, mas, sem os devidos cuidados, pode se tornar um adversário implacável”, destaca a médica.

Por isso, neste verão, lembre-se: cuidar do corpo durante os exercícios é tão crucial quanto a própria atividade. O calor pode ser desafiador, mas sua abordagem consciente faz toda a diferença. Mantenha-se ativo, protegido e desfrute do verão com bem-estar.

Advertisement

Você também vai gostar

Sem categoria

O glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo. Entenda a importância do diagnóstico precoce

Saúde Bucal

A cárie oculta costuma surgir em locais onde a escova de dentes e o fio dental não alcançam. Veja como identificar o problema

Beleza

A rinoplastia é uma das cirurgias plásticas mais feitas no Brasil, mas ainda é cercada de muitos mitos e tabus

Dor

Ortopedista aponta que a dor pode surgir no quadril sem percebermos, e irradiar para o joelho, causando bastante desconforto