Connect with us

O que você está procurando?

Busca

Saúde Mental

Dezembro chegou! 5 dicas para lidar com a ansiedade de fim de ano

É hora de fazer o balanço das metas estipuladas para 2023 e pensar nos objetivos do próximo ano – o que pode gerar bastante ansiedade

Dezembro chegou! 5 truques para lidar com a ansiedade de fim de ano
Dezembro chegou! 5 truques para lidar com a ansiedade de fim de ano - Foto: Shutterstock

Estamos oficialmente no último mês de 2023! O que é motivo de festa e celebração, também carrega uma bagagem inesperada: uma dose extra de ansiedade para muita gente. Nesta época, as altas expectativas se misturam com um turbilhão de pressões, fazendo com que os níveis de estresse decolem. Então, embora seja um período repleto de brilho e alegria, é também quando as emoções mais fervem, criando um cenário perfeito para altos e baixos emocionais.

O peso das tradições, da saudade e da falta de dinheiro

Luana Ganzert, psicóloga especialista em emoções, ressalta a complexidade emocional dessa época, especialmente no que se refere à manutenção ou criação de tradições. Para aqueles que estão longe de casa ou estabelecendo suas próprias famílias, essa pressão pode ser fonte significativa de ansiedade.

“Lidar com as expectativas de preservar ou formar novas tradições carrega um profundo significado emocional, e isso pode ser uma grande fonte de ansiedade, especialmente para os mais jovens ou para aqueles distantes de seus entes queridos”, explica Luana.

O fim de ano, explica a psicóloga, pode desencadear sentimentos de solidão ou saudade, principalmente para aqueles que enfrentaram perdas ou estão longe de familiares e amigos. Esses sentimentos, segundo ela, podem intensificar a complexidade emocional do período, exacerbando a ansiedade.

A necessidade de criar momentos sociais perfeitos, seja em festas, eventos ou reuniões familiares, adiciona uma camada extra de estresse. “A pressão para que tudo saia perfeito pode ser intensa, e isso se soma às outras fontes de ansiedade já presentes”, afirma.

Mas não acaba por aí. Em meio a esses desafios emocionais, a questão financeira também surge como um fator relevante. As compras de presentes e os preparativos para as celebrações frequentemente ultrapassam os orçamentos, levando a preocupações financeiras. 

“Embora a ansiedade financeira possa parecer secundária em comparação com as emoções, ela desempenha um papel crucial no aumento do estresse durante esta época”, ressalta a psicóloga.

Balanço do fim de ano

Além disso, a reflexão sobre o ano que passa também pode ser uma fonte de ansiedade. Muitas pessoas fazem um balanço do ano, ponderando sobre metas não alcançadas e desafios enfrentados. “O final do ano traz uma reflexão natural sobre realizações e fracassos, o que pode gerar sentimentos de insuficiência ou frustração”, diz a psicóloga.

A pressão para cumprir resoluções de Ano Novo antes que o ano termine é outro fator que afeta o bem-estar emocional das pessoas. Seja em relação à saúde, carreira ou vida pessoal, a sensação de que o tempo está acabando e de que talvez não se consiga cumprir o prometido, pesa no bem-estar emocional de muitos, tornando esta época do ano um período de intensa reflexão e autocrítica, aponta a profissional.

Alimentação e manutenção do peso

Há também a preocupação com a alimentação e a saúde durante este período, uma vez que as festas de fim de ano envolvem frequentemente comidas muito calóricas e o consumo de bebidas alcoólicas e a rotina regular de exercícios pode ser interrompida. 

“A preocupação com a saúde e a dieta, muitas vezes ignorada durante as festas, pode retornar como uma fonte de ansiedade, levando as pessoas a se sentirem culpadas ou preocupadas com o impacto em seu bem-estar a longo prazo”, destaca Luana.

A ansiedade relacionada ao início de um novo ano, com suas incertezas e expectativas, fecha o ciclo de fatores que potencializam o estresse e a ansiedade no fim do ano.”É importante reconhecer e abordar esses fatores de ansiedade para que possamos desfrutar mais plenamente das festividades e acolher o novo ano com uma perspectiva mais equilibrada e saudável”, explica a psicóloga.

10 truques para lidar com a ansiedade neste fim de ano

Pensando em garantir um final de ano mais leve e sem maiores transtornos, a especialista separou 10 dicas para diminuir a ansiedade nestas próximas semanas. Confira:

  1. Estabeleça metas realistas para o período;
  2. Organize uma lista de tarefas priorizando o que é essencial;
  3. Pratique técnicas de respiração profunda para aliviar o estresse;
  4. Mantenha uma rotina equilibrada com sono adequado e exercícios;
  5. Reserve tempo para atividades relaxantes, como leitura ou meditação;
  6. Evite sobrecarregar sua agenda; aprenda a dizer não quando necessário;
  7. Estabeleça limites nas redes sociais para evitar comparações prejudiciais;
  8. Cultive momentos de gratidão, focando nas coisas positivas;
  9. Busque apoio social, compartilhando sentimentos com pessoas que te tragam segurança;
  10. Se necessário, considere a ajuda de um profissional de saúde mental
Advertisement

Você também vai gostar

Alimentação

A introdução alimentar costuma ser um grande desafio, principalmente quando o bebê apresenta reações alérgicas

Insônia

Alguns mitos e desinformações atrapalham a rotina de sono dos recém-nascidos, o que é um desafio para a família e também para o bebê

Alimentação

Especialista em nutrologia explica as diferenças entre a doença celíaca, a intolerância ao glúten e a alergia ao trigo. Saiba os sintomas

Dor

Ortopedista explica que nem sempre uma dor no joelho exige correção cirúrgica. No entanto, em alguns casos o paciente deve passar por cirurgia