Connect with us

O que você está procurando?

Doenças

Doenças que ficaram famosas em 2022 ao atingirem celebridades

Relembre momentos do ano em que certas doenças entraram para os assuntos mais comentados após atingir uma celebridade

Doenças que ficaram famosas em 2022 ao atingirem celebridades
Doenças que ficaram famosas em 2022 ao atingirem celebridades - Foto: Reprodução Instagram (@simonycantora e @ludayer13)

No decorrer de 2022, diversas celebridades foram a público divulgar o diagnóstico das mais variadas doenças. Condições degenerativas, infecciosas e bastante dolorosas estiveram entre os principais relatos dos famosos. No entanto, esses episódios serviram como uma oportunidade para promover as formas de prevenção, diagnóstico e tratamento de cada doença.

Relembramos aqui cinco doenças e complicações que não eram tão conhecidas pela sociedade, mas que ficaram famosas em 2022 após atingirem pessoas com grande destaque na mídia. Confira:

Câncer no intestino – Simony

Em agosto, a cantora Simony divulgou através do Instagram que recebeu o diagnóstico de câncer no intestino. Ela fez a descoberta após passar pelo exame de colonoscopia e, por isso reforçou a importância de incluí-lo nos exames de check-up. O tumor da artista está localizado na parte final do intestino, perto da região do ânus. Esta é uma condição rara, que corresponde a apenas 2% das neoplasias malignas do trato gastrointestinal. Além disso, o tratamento é feito com radio e quimioterapia, com taxas de cura em torno de 65 a 90%.

Esclerose múltipla – Ludmila Dayer e mais famosas

A ex-Malhação e ex-Senhora do Destino descobriu ter Esclerose Múltipla (EM) em setembro, o que pode ser resultado da contaminação pelo vírus Epstein-Barr (EBV). Além de Ludmila, outras famosas também relataram o diagnóstico da EM, como Claudia Rodrigues, Ana Beatriz Nogueira e Guga Stresser. A doença é uma inflamação crônica e autoimune que atinge o sistema nervoso central, provocando lesões cerebrais e medulares. A condição não tem cura.

Endometriose – Paloma Duarte, Anitta e mais

A endometriose foi uma das doenças que mais se falou em 2022. A atriz Paloma Duarte, 45, divulgou através das redes sociais que recebeu o diagnóstico para a condição. Outras personalidades também já passaram pelo mesmo, como é o caso de Anitta, Larissa Manoela, Isabella Santoni, Gabriela Pugliesi, Patrícia Poeta e Giovanna Ewbank. Paloma relatou que só fez uma ressonância quando a dor se tornou insuportável. Por isso, ela pede que outras mulheres fiquem atentas aos sintomas. Os sintomas da endometriose incluem cólicas menstruais progressivas e/ou incapacitantes, dor na relação sexual e dor pélvica fora do período menstrual. Em até 50% dos casos a doença pode causar infertilidade.

Erisipela – Jair Bolsonaro

Após o resultado das eleições, o estado de saúde de Bolsonaro voltou a preocupar seus aliados, principalmente quando ele começou a apresentar feridas na perna, decorrentes da erisipela. No começo de dezembro, Carlos publicou via Telegram uma foto da perna do pai com as feridas em processo de cicatrização. A erisipela é um processo infeccioso da pele, que pode atingir a gordura do tecido celular. O resultado é vermelhidão, dor e inchaço, e algumas pessoas também podem ter febre e calafrios. O tratamento é feito com antibióticos, que podem ser ministrados na veia nos quadros mais graves da doença.

Advertisement

Você também vai gostar

Notícias

O ritmo e a frequência da pulsação fornecem informações sobre a saúde cardíaca. Aprenda a checar em casa

Alimentação

Consumir açúcar refinado aumenta os níveis de gordura no corpo e o risco de desenvolver doenças como diabetes. Saiba como substituir o produto

Dor

15% dos brasileiros sofrem com enxaqueca, condição que pode ser tratada de diferentes formas. Veja quais terapias podem ajudar

Medicamentos

Anfetamina prescrita para TDAH é frequentemente usada como um estimulante. Conheça os riscos do Venvanse