Connect with us

O que você está procurando?

Emagrecer

Não consegue emagrecer? Veja 5 hábitos que atrapalham a perda de peso

Mesmo seguindo dieta e praticando exercícios, os números podem não diminuir na balança. Saiba o que pode estar te impedindo de emagrecer

Não consegue emagrecer? Veja 5 hábitos que atrapalham a perda de peso
Não consegue emagrecer? Veja 5 hábitos que atrapalham a perda de peso - Foto: Shutterstock

Você está seguindo a dieta à risca, fazendo exercícios físicos regularmente, mas nada adianta: apesar de todos os esforços, está com muita dificuldade para emagrecer. Se este é o seu caso, talvez seja o momento de analisar toda a sua rotina, e identificar os hábitos que podem estar te impedindo de chegar ao seu objetivo.

De acordo com o Dr. Renato Lobo, médico pela USP (Universidade de São Paulo) e nutrólogo pela ABRAN (Associação Brasileira de Nutrologia), alguns hábitos simples, que podem passar despercebidos, acabam dificultando a perda de peso. O médico aponta 5 erros que atrapalham os objetivos de quem deseja emagrecer. Confira:

1 – Dormir pouco

“Quem dorme pouco ou dorme mal libera mais o hormônio da fome e menos o da saciedade. Então você vai ter mais fome, vai comer mais e não vai ficar saciado. Por isso, dormir mal tem uma relação direta com o ganho de peso. Se você quer perder peso, tem que dormir melhor”, afirma o especialista.

2 – Comer em um horário próximo de dormir

O quão distante é a sua última refeição em relação à hora que dorme tem uma influência direta com o emagrecimento, indica o especialista. Se você come às 23h e vai dormir à meia-noite, por exemplo, esse já é um fator que favorece engordar.

Mas, se você janta às 18h ou 19h e vai dormir às 23h, a tendência é ser mais magro. “Por isso, quanto mais distante a hora que você come para a hora que dorme, melhor”, diz.

3 – Não ser fisicamente ativo

Se você não faz atividade física, seja musculação ou aeróbica, e fica mais tempo sentado do que em pé, existe uma relação com o emagrecimento. Se você já trabalha sentado, por exemplo, é sempre bom levantar um pouco. 

“É importante se levantar e caminhar, nem que seja para ir ao banheiro. No almoço, por exemplo, em vez de pedir comida, prefira ir até o local, pois isso vai ativar o metabolismo e favorecer o emagrecimento”, destaca o especialista.

4 – Não ter escolhas alimentares adequadas

Se você não consome saladas, legumes, verduras, vegetais e folhas, não irá se beneficiar das fibras que são úteis para regular o intestino, melhorar a saúde das bactérias do intestino e atrapalhar um pouco a absorção dos carboidratos e das gorduras.

Isso porque as fibras diminuem a velocidade da absorção. “Isso reduz a produção da insulina que é responsável por estocar, como gordura, o excesso de calorias. Então, o consumo de salada primeiro tem uma relação com o emagrecimento”, afirma o médico.

5 – Comer doces em excesso

Todo mundo já sabe que o doce tem muito açúcar, ou algo que simula os efeitos do excesso de frutose. Por isso, acontece uma absorção bastante rápida de açúcar que gera picos de insulina no organismo.

Segundo o Dr. Renato, esse pico interrompe o gasto de gordura e favorece o acúmulo de gordura. Consequentemente, você para de emagrecer e começa a engordar. Portanto, o recomendado é controlar o consumo de doces – claro, sem se deixar cair em uma dieta restritiva.

Advertisement

Você também vai gostar

Sem categoria

O glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo. Entenda a importância do diagnóstico precoce

Saúde Bucal

A cárie oculta costuma surgir em locais onde a escova de dentes e o fio dental não alcançam. Veja como identificar o problema

Beleza

A rinoplastia é uma das cirurgias plásticas mais feitas no Brasil, mas ainda é cercada de muitos mitos e tabus

Dor

Ortopedista aponta que a dor pode surgir no quadril sem percebermos, e irradiar para o joelho, causando bastante desconforto