Connect with us

O que você está procurando?

Saúde Bucal

Saúde bucal ruim pode ser um perigo para todo o organismo; entenda

Diferentes pesquisas mostram que o descuido com a saúde bucal pode ocasionar diversas doenças e, inclusive, diminuir a longevidade

Saúde bucal pode gerar doenças em todo o organismo, apontam estudos
Saúde bucal pode gerar doenças em todo o organismo, apontam estudos / Foto: Shutterstock

Uma pesquisa das universidades federais do Rio de Janeiro e de Minas Gerais em conjunto com a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), apontou que, após o início da pandemia da Covid-19, houve um aumento de 132% de paradas cardíacas nos brasileiros. Segundo a cirurgiã-dentista Marcela O ́Neal, aproximadamente 36% das mortes ligadas aos problemas cardíacos tem início na saúde bucal. 

“Investir no cuidado da saúde bucal contribui com o diagnóstico e a prevenção de problemas como infarto, endocardite bacteriana e acidente vascular cerebral (AVC). Desses, mais de 40% dão os primeiros indícios através de sintomas na boca’’, estima a especialista.

Isso mostra que a prevenção de problemas bucais ou cardiológicos envolve uma série de fatores. Um deles é a alimentação equilibrada, que ajuda na prevenção de doenças, no fortalecimento da imunidade e na disposição física

No Brasil, mais de 50% das pessoas não consomem adequadamente nutrientes essenciais. Como por exemplo o cálcio, magnésio, vitamina A, vitamina B6, vitamina D e vitamina E. É o que aponta a Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF), realizada pelo IBGE.

Cuidados com a saúde bucal

Além disso, no cuidado com a saúde bucal, o uso incorreto da escova de dente, a falta utilização de fio dental e de uma rotina de escovação atrapalham não só a preservação dos dentes, mas também muitos outros aspectos. Por exemplo, o aparecimento de periodontite e o aumento de câncer na boca. Com uma boa rotina de escovação, as chances das doenças diminuem em até 70%, segundo um estudo feito pela Faculdade de Odontologia da Universidade Estadual de São Paulo (USP).

O hábito de roer as unhas também é um fator que prejudica não só na aparência e na saúde das unhas, mas todo o organismo. Dados pesquisados pela PubMed em 2016 revelam que a oncofagia – mania de roer as unhas – afeta cerca de 30% das pessoas ao redor do mundo. O hábito perigoso faz com que bactérias e fungos presentes nas mãos e unhas sejam ingeridas, o que colabora no aparecimento de infecções no organismo, assim como o desgaste constante dos dentes.

“Hábitos saudáveis são essenciais para a longevidade. Criar uma rotina com alimentação adequada, higiene bucal constante e prática de exercícios físicos é fundamental para se manter saudável por mais tempo. Escovar os dentes e passar fio dental diariamente é um detalhe que faz toda a diferença nesse quesito”, finaliza a especialista.

Advertisement

Você também vai gostar

Saúde Bucal

Um sorriso bonito melhora a autoestima e também aumenta as chances de sucesso nas relações amorosas. Veja 5 passos para conquistar o seu

Notícias

Estudo mostra que o cigarro causa alterações na boca que podem se tornar câncer. Entenda os sinais de alerta

Notícias

Fatores já conhecidos aceleram o envelhecimento, mas alguns aspectos que passam despercebidos diminuem a longevidade

Doenças

Existem muitos sintomas na pele que podem alertar sobre a saúde e o bem-estar de todo o corpo. Conheça os sinais de alerta